Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Sexagem fetal: o que é, quando fazer e resultados

A sexagem fetal é um exame que tem como objetivo identificar o sexo do bebê a partir da 8ª semana de gestação através da análise do sangue materno, em que é verificada a presença do cromossomo Y, que está presente no sexo masculino.

Esse exame pode ser realizado a partir da 8ª semana de gestação, no entanto quanto mais semanas se tiver de gestação, maior a certeza do resultado. Para realizar esse exame a gestante não precisa de recomendação médica e não deve estar em jejum, sendo até importante que esteja bem alimentada e hidratada para não passar mal no momento da coleta.

Sexagem fetal: o que é, quando fazer e resultados

Como é feito o exame

O exame de sexagem fetal é feito a partir da análise de uma pequena amostra de sangue que é retirada da mulher, que depois é enviada para o laboratório para que seja analisada. No laboratório são avaliados fragmentos de DNA do feto que estão presentes no sangue da mãe, sendo feita a pesquisa, por meio de técnicas moleculares, como a PCR, por exemplo, para identificação da presença ou ausência da região SYR, que é a região que contém o cromossomo Y, que está presente nos meninos.

É recomendado que o exame seja feito a partir da 8ª semana de gestação para que se tenha maior certeza quanto ao resultado. No entanto, mulheres que tenham sido submetidas a transplante de medula óssea ou transfusão de sangue cujo doador é do sexo masculino não devem realizar a sexagem fetal, uma vez que o resultado pode ser errado.

Preço do exame de sexagem fetal

O preço da sexagem fetal varia de acordo com o laboratório em que o exame é realizado e se há urgência em se ter o resultado do exame, sendo mais caro nessas situações. O exame não está disponível na rede pública e nem é coberto pelos planos de saúde e custa entre R$ 200 e R$ 500,00.

Como interpretar os resultados

O resultado do exame de sexagem fetal demora cerca de 10 dias para ser liberado, no entanto caso solicitado com urgência, o resultado pode ser liberado em até 3 dias.

O exame tem como objetivo identificar a presença ou ausência da região SYR, que é a região que contém o cromossomo Y. Assim, os dois possíveis resultados do exame são:

  • Ausência da região SYR, indicando que não há cromossomo Y e, portanto, é uma menina;
  • Presença da região SYR, indicando que é cromossomo Y e, portante, é um menino.

No caso de gravidez de gêmeos, se o resultado for negativo para o cromossomo Y, a mãe saberá que está grávida só de meninas. Mas, se o resultado for positivo para o cromossomo Y, isso indica que há pelo menos 1 menino, mas não quer dizer que o outro bebê também seja.


Bibliografia

  • FACULDADE ALFREDO NASSER - 4º SEMINÁRIO PESQUISAR. Precisão e procedimentos para a sexagem fetal. 2016. Link: <www.faculdadealfredonasser.edu.br>. Acesso em 12 Abr 2019
  • LEVI, José E.; WENDEL, Silvano.; TAKAOKA, Deise T. Determinação Pré-natal do Sexo Fetal por meio da Análise de DNA no Plasma Materno. RBGO. Vol 25. 9 ed; 687-690, 2003
  • GEGENERA - INOVAÇÃO EM SAÚDE. Dúvidas Frequentes - Sexagem Fetal. Link: <www.genera.com.br>. Acesso em 12 Abr 2019
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem