Desenvolvimento do bebê - 32 semanas de gestação

publicidade

Em relação ao desenvolvimento do feto com 32 semanas de gestação, que corresponde aos 7 meses de gravidez, este mexe muito pois ainda tem algum espaço no útero, mas à medida que cresce, este espaço diminui e a mãe passará a perceber menos os movimentos do bebê.

Às 32 semanas de gestação, os olhos do feto mantêm-se abertos, movendo-se na direção da luz, quando está acordado, conseguindo também piscar os olhos. Neste período, os ouvidos são a principal ligação do feto com o mundo exterior, sendo que consegue ouvir vários sons.

Desenvolvimento do feto com 32 semanas de gestação

O feto com 32 semanas de gestação consegue ouvir sons distintos e não apenas vibrações e o crescimento do cérebro é bem perceptível durante esse período. Além disso, os ossos continuam a ficar mais duros, exceto os do crânio e as unhas já cresceram o suficiente para chegar às pontas dos dedos.

O líquido amniótico engolido pelo bebê passa pelo estômago e intestinos, e os resíduos desta digestão vão sendo pouco a pouco armazenados no cólon do bebê formando o mecônio, que será as primeiras fezes do bebê.

Apesar do bebê ter maiores chances de sobreviver fora do útero, ele ainda não pode nascer, pois é muito magrinho e ainda precisa continuar se desenvolvendo.

Tamanho do feto com 32 semanas de gestação

O tamanho do feto com 32 semanas de gestação é de aproximadamente 41 centímetros medidos da cabeça ao calcanhar e o seu peso é de cerca de 1,100 kg.

Fotos do feto com 32 semanas de gestação

Alterações na mulher com 32 semanas de gravidez

As alterações na mulher com 32 semanas de gravidez incluem o aumento do umbigo que poderá ser notado até mesmo através das roupas, e o inchaço das pernas e dos pés, principalmente ao final do dia. Para prevenir o inchaço evite excesso de sal, coloque sempre que estiver sentada os pés para cima, evite roupas e sapatos apertados, beba cerca de 2 litros de água por dia e faça atividade física como caminhada ou ioga.

A partir destas semanas de gravidez, poderá ocorrer falta de ar com maior intensidade, pois o útero agora pressiona os pulmões. Além disso, poderá surgir uma linha escura que vai do umbigo à região íntima, que é causada por alterações hormonais. Porém essa linha deverá tornar-se cada vez mais clara até que desapareça, geralmente nos primeiros meses após o parto.

Além disso, as cólicas podem começar a tornar-se cada vez mais frequentes, mas elas são uma espécie de treino para o trabalho de parto.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade