Entenda o que é Tendinite

PUBLICIDADE

A tendinite é uma inflamação do tendão, um tecido que liga o músculo ao osso, que gera sintomas como dor localizada e falta de força muscular. Seu tratamento é feito com a toma de anti-inflamatórios, analgésicos e fisioterapia, para que se possa alcançar a cura.

A tendinite pode demorar semanas ou meses para ser curada e é importante tratar para prevenir o desgaste do tendão que pode causar até mesmo o seu rompimento, sendo necessário realizar cirurgia para repara-lo.

PUBLICIDADE

Primeiros sinais de tendinite

Os primeiros sinais e sintomas causados pela tendinite são:

  • Dor localizada no tendão afetado, que piora ao toque e com o movimento;
  • Sensação de queimação que irradia,
  • Pode haver inchaço local.

Este sintomas podem ser mais intensos, especialmente após repouso prolongado do membro afetado pela tendinite.

Os profissionais da saúde mais indicados para diagnosticar a tendinite são o médico ortopedista ou o fisioterapeuta. Eles poderão realizar alguns exercícios e palpar o membro afetado. Em alguns casos, pode ser necessária a realização de exames complementares, como ressonância magnética ou tomografia computadorizada, para avaliar a gravidade da inflamação.

Como tratar

No tratamento da tendinite aconselha-se evitar fazer esforços com o membro afetado, tomar os medicamentos indicados pelo médico e realizar as sessões de fisioterapia. A fisioterapia é importante para tratar o inchaço, a dor e a inflamação. Na fase mais avançada a fisioterapia visa o fortalecimento do membro afetado e este é um passo importante, pois se o músculo estiver fraco e o paciente fizer o mesmo esforço, a tendinite poderá reaparecer.

Veja como pode ser feito o tratamento para tendinite.

Veja mais dicas e como a alimentação pode ajudar no vídeo a seguir:

Profissões mais afetadas pela tendinite

Os profissionais mais comumente afetados pela tendinite são aqueles que realizam movimentos repetitivos para desempenhar a sua função. Os profissionais mais afetados geralmente são: telefonista, operário de máquinas, pianistas, guitarristas, bateristas, bailarinos, atletas como tenistas, jogadores de futebol, voleibol e handebol, digitadores e estivadores.

Os locais mais afetados pela tendinite são ombro, mãos, cotovelo, punho, quadril, joelhos e tornozelo. A área afetada é geralmente do lado em que o indivíduo tem mais força e é o membro que ele usa mais repetidamente na vida diária ou no trabalho.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE