Erva-Doce

PUBLICIDADE

A erva-doce é uma planta medicinal, também conhecida como Anis ou Funcho, muito utilizada no combate à má digestão, gases, dor de barriga ou artrite.

O seu nome científico é Pimpinella anisum e pode ser comprada em mercados, feiras livres, lojas de produtos naturais e farmácias de manipulação.

Para que serve a erva-doce

A erva-doce serve para tratar dor de barriga, indigestão, inchaço, acidez estomacal, asma, bronquite, espasmos, cólicas, dor de barriga, dor de cabeça, inflamações, tosse, gases, palpitações, inchaço, gripe, resfriado, catarro e coriza.

Propriedades da erva-doce

As propriedades da erva-doce incluem sua ação expectorante, tônica, cicatrizante, calmante, diurética, sudorífica, galactagoga, antiespasmódica e antidispéptica.

Modo de uso da erva-doce

A parte utilizada da erva-doce é o seu fruto seco.

  • Chá de erva-doce: Colocar 1 colher de erva-doce em uma xícara e cobrir com água fervente. Deixar esfriar, coar e beber a seguir. De 2 a 3 vezes ao dia após as refeições.

Efeitos colaterais da erva-doce

Os efeitos colaterais do Anis incluem náuseas, vômitos e reações alérgicas, quando consumido em excesso.

Contraindicações da erva-doce

A erva-doce está contraindicada em pacientes com úlcera duodenal, refluxo, colite ulcerosa ou diverticulite, devendo também ser evitado por pacientes fazendo suplementação de ferro. O óleo de erva-doce está contraindicado na gravidez e amamentação,

Erva-Doce
Erva-Doce
Erva-Doce

Link útil:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE