Queda de cabelo no pós parto

publicidade

A alimentação saudável ameniza a intensidade da queda de cabelo no pós-parto, especialmente para as mães que amamentam, mas existem alguns cuidados extras que ajudam a manter a saúde dos fios.

Queda de cabelo no pós parto é normal

A queda de cabelo no pós-parto é normal e afeta praticamente todas as mulheres que estão amamentando. A queda de cabelo pode começar por volta dos 3 meses após o nascimento do bebê e é o resultado das intensas alterações hormonais que marcam esta fase da vida da mulher.

O que fazer para diminuir a queda de cabelo no pós-parto

Para diminuir a queda de cabelo no pós-parto o que se pode fazer é:

  • Aumentar o consumo diário de nutrientes e por isso a mulher deverá ter uma alimentação saudável e equilibrada, variando constantemente os alimentos que ingere. Uma boa dica é não aproveitar as sobras do almoço para o jantar. Isto vai fazer com que cada refeição seja diferente da outra, aumentando o teor nutritivo das refeições.
  • Tomar diariamente 2 ou 3 copos de suco de frutas com legumes preparados na centrífuga, pois além de resultar num suco com uma maior quantidade de nutrientes, sua quantidade é menor e não vai interferir na digestão dos alimentos.
  • Usar shampoo, condicionar e sérum para queda de cabelo, usando marcas de boa qualidade como a Klorane, por exemplo.
  • Evitar lavar e escovar os cabelos mais de 3 vezes por semana.
  • Tomar o Pantogar que é um suplemento alimentar que serve para tratar a queda de cabelo.

O ideal é usar sempre um pente de dentes largos para pentear o cabelo e desfazer nós. A queda de cabelo pára naturalmente, é preciso ter paciência e nesta fase se aconselha evitar o uso de chapinhas para alisar o cabelo ou secadores, assim como permanentes ou relaxamentos químicos, mesmo que não esteja amamentando, pois o fio está mais sensível.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última atualização do site: 29/07/2014 Última atualização da página: 21/02/2014
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.