Encefalite Viral

publicidade

A encefalite viral é uma infecção caracterizada pela inflamação e "inchaço" do cérebro, que afeta principalmente bebês e crianças, mas também pode ocorrer em adultos com o sistema imunológico fragilizado. 

Alguns agentes etiológicos da encefalite viral como herpes simplex, adenovírus ou citomegalovírus podem causar infecção direta do cérebro. Porém, outros vírus como o vírus do sarampo, varicela, rubéola ou da raiva podem não afetar diretamente o cérebro, mas também provocar encefalite.

A encefalite herpética é consequência da herpes, causada pelo vírus herpes simplex que pode atingir o cérebro e provocar a sua inflamação. 

Tratamento da encefalite viral

O tratamento da encefalite viral tem como objetivo ajudar o organismo a combater a infecção e aliviar os sintomas, por isso, repouso, alimentação e ingestão de líquidos é essencial na cura da doença. O uso de paracetamol para controle da febre e de sedativos para controle da irritabilidade e insônia estão também indicados no tratamento da encefalite viral aguda

No caso de infecções por vírus herpes ou citomegalovirus, o uso de medicamentos antivirais como Aciclovir ou Foscarnet podem ser indicados, uma vez que estas infecções podem provocar lesões cerebrais graves e morte dos indivíduos. 

Os indivíduos com encefalite viral que apresentem convulsões podem também tomar medicamentos anticonvulsivos e corticoides para diminuir a inflamação cerebral, bem como realizar exames de monitorização do cérebro. 

A encefalite viral tem cura quando diagnosticada cedo e tratada corretamente para evitar lesões cerebrais e/ou a morte dos indivíduos. 

Sintomas da encefalite viral

Os sintomas da encefalite viral, no início da doença, podem ser semelhantes aos de um resfriado ou gastroenterite, como dor de cabeça, febre ou vômitos. Porém, se não for tratada, a encefalite pode evoluir e causar lesões cerebrais que levem ao aparecimento de sintomas mais graves como:

  • Inconsciência;
  • Convulsões;
  • Paralisia ou fraqueza muscular;
  • Perda de memória;
  • Costas e pescoço rígido;
  • Sensibilidade à luz. 

Os sintomas da encefalite viral nem sempre são específicos da infecção, sendo confundidos com outras doenças como meningite ou resfriados. O diagnóstico da infecção dá-se através de exames de sangue e do líquor, ressonância magnética ou biópsia cerebral.

Encefalite viral é contagiosa

A encefalite viral é contagiosa e a sua transmissão é feita através do contato com secreções respiratórias de um indivíduo infectado e)ou utensílios utilizados pelo indivíduo vetor. 

Sequelas da encefalite viral

As sequelas da encefalite viral podem ser: 

  • Paralisia muscular;
  • Problemas de memória e aprendizagem;
  • Dificuldades na fala e audição;
  • Alterações visuais;
  • Epilepsia;
  • Movimentos musculares involuntários. 

As sequelas nos indivíduos que tiveram encefalite só aparecem quando a infecção se prolonga durante muito tempo e o tratamento não teve os resultados esperados.

Link útil:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última atualização do site: 30/09/2014 Última atualização da página: 12/12/2013
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.