Vaginose bacteriana na gravidez

publicidade

A vaginose bacteriana é uma infecção no trato genital inferior que pode estar presente na gravidez. Esta infecção nem sempre apresenta sintomas, mas quando estes estão presentes manifestam-se através de um corrimento amarelado com cheiro de peixe podre e por vezes, coceira na vagina e na vulva.

Esta doença é facilmente identificada através de exames realizados no consultório médico e deve ser tratada o quanto antes.

Tratamento para vaginose bacteriana na gravidez

O tratamento da vaginose bacteriana na gravidez pode ser feito da seguinte forma:

  • 3 comprimidos de 250 mg Metronidazol por dia, durante 7 dias;
  • 2g de Metronidazol dose única;
  • Aplicação do creme vaginal Metronidazol gel a 0.75% de 5g uma vez ao dia, durante 7 dias;
  • Clindamicina por 7 dias;
  • Aplicação do creme vaginal de Clindamicina a 2% de 5g, uma vez ao dia durante 7 dias.

O médico deverá escolher uma destas formas de tratamento avaliando o  tempo de gravidez e a necessidade da mulher.

Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última data de atualização do site: 17/04/2014 Última data de atualização da página: 28/05/2013
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.