Carcinoma basocelular

PUBLICIDADE

O carcinoma basocelular é um tipo de câncer de pele que provoca o aparecimento de manchas na pele em indivíduos com predisposição genética ou que se expõe ao sol sem filtro solar.

Geralmente, as manchas são pequenas e crescem muito lentamente, podendo sangrar e cicatrizar.

O carcinoma basocelular tem cura quando diagnosticado na fase inicial por um dermatologista e seu tratamento pode ser feito com quimioterapia, radioterapia ou cirurgia.

Tipos de carcinoma basocelular

Existem vários tipos de carcinoma basocelular, que podem incluir:

  • Carcinoma basocelular nodular: tipo mais comum de carcinoma, podendo apresentar uma ferida no centro;
  • Carcinoma basocelular superficial: afeta as regiões mais externas da pele, podendo ser confundido com um eritema na pele;
  • Carcinoma basocelular infiltrativo: é o carcinoma mais agressivo, sendo comum;
  • Carcinoma pigmentado: manchas com regiões mais escuras que tornam mais difícil diferenciar de melanoma.

Os tipos de carcinoma basocelular diferem conforme as características que apresentam e, por isso, podem ser difíceis de identificar. Por isso, quando o indivíduo apresenta uma mancha duvidosa na pele deve consultar um dermatologista.

Fotos do carcinoma basocelular

Carcinoma basocelular
Carcinoma basocelular
Carcinoma basocelular

Fonte: Centers for Disease Control and Prevention; Medicina interna de Harrison, 2013

As imagens mostram o carcinoma basocelular na pele e no nariz.

Tratamento para carcinoma basocelular

O tratamento para carcinoma basocelular pode ser feito através de cirurgia a laser ou com aplicação de frio na fase mais inicial, sendo que o paciente regressa a casa no mesmo dia.

Nos casos mais graves, o tratamento para carcinoma basocelular é feito com radioterapia ou quimioterapia durante o tempo necessário para reduzir a extensão da doença.

Sintomas do carcinoma basocelular

Os sintomas do carcinoma basocelular incluem:

  • Mancha rosada na pele;
  • Mancha elevada e achatada;
  • Ferida que pode sangrar e cicatrizar várias vezes

Normalmente, o diagnóstico do carcinoma basocelular é feito com biopsia realizada por um dermatologista.

Link útil:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE