Ácido Fólico na Gravidez

publicidade

A ingestão dos comprimidos de ácido fólico na gravidez não engorda e serve para garantir uma gravidez saudável e o bom desenvolvimento do bebê. A dosagem ideal deve ser orientada pelo obstetra e é aconselhado iniciar o seu consumo no mínimo 1 mês antes de engravidar porque o tubo neural do bebê fecha nas primeiras 4 semanas de gestação, quando a mulher ainda não descobriu que está grávida.

No entanto, como forma de prevenção as farinhas de trigo tem sido fortificadas com uma pequena quantidade de ácido fólico e existem alguns alimentos que contêm ácido fólico e, por isso, se a mulher não tomou estes comprimidos antes de engravidar poderá ficar descansada porque o risco de alterações genéticas estão diminuídos e estas alterações também são raras.

Para que serve o ácido fólico na gravidez

O ácido fólico na gravidez serve para diminuir o risco de lesões no tubo neural do bebê, prevenindo doenças, como:

  • espinha bífida, anencefalia, lábio leporino, doenças cardíacas;
  • prevenir a anemia na mulher;
  • ajudar na formação da placenta e no desenvolvimento do DNA do bebê;
  • diminuir o risco de pré eclampsia durante a gestação.

Há uma diminuição de cerca de 70% nas chances de haver estas alterações quando a mulher toma 1 comprimido de ácido fólico por dia, 1 mês antes de engravidar, e continua tomando até entrar no segundo trimestre de gestação ou até o fim da gravidez.

Dosagem de ácido fólico na gravidez

A dosagem ideal de ácido fólico na gravidez é de 600 mcg por dia, mas no Brasil há somente comprimidos de 1, 2 e 5 mg e, por isso, a grande maioria dos médicos indica a ingestão de comprimidos de 1 mg. No entanto, as mulheres que tomam remédio para epilepsia ou que são obesas devem tomar uma quantidade maior, assim como aquelas que já tiveram filhos com alguma deficiência no sistema nervoso. Para estas é indicado tomar comprimidos de 5 mg.

Ingerir alimentos ricos em ácido fólico ajuda a garantir uma oferta suficiente deste nutriente para a mãe, mas o pai do bebê também deve investir no consumo de alimentos ricos em folato, como feijão, laranja, amêndoa, amendoim, fígado, cereais, espinafre, soja, milho, avelã, caju, tomate, cogumelos, brócolis e couve.

Veja algumas bulas de ácido fólico:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade