Pneumonia Bacteriana

publicidade

A pneumonia bacteriana é uma doença respiratória grave que gera sintomas como tosse com catarro e febre, cujo agente causador mais comum é a bactéria Streptococcos pneumoniae. Outros agentes menos comuns são Klebsiella pneumoniae, Staphyloccus aureus, Haemophilus influenzae, Legionella peumophila.

A pneumonia bacteriana não é contagiosa e pode ser tratada em casa com o uso de antibióticos receitados pelo médico. Ela pode afetar todo o pulmão ou somente uma parte.

A pneumonia bacteriana em bebês é frequente e surge de forma gradual, após uma gripe que demora para curar, sendo recomendado consultar um pediatra quando o bebê apresenta uma gripe forte que dura mais de 5 dias. Saiba mais em: Pneumonia infantil.

Sintomas da Pneumonia Bacteriana

Os sintomas da pneumonia bacteriana e viral são semelhantes, podendo incluir:

  • Tosse com muito catarro;
  • Febre alta, acima de 39º;
  • Dificuldade para respirar;
  • Falta de ar;
  • Dor no peito.

O diagnóstico da pneumonia bacteriana é feito por médico clínico geral ou pneumologista através de exames, como raio-x, tomografia computadorizada do tórax, exame de sangue e do catarro.

A Pneumonia Bacteriana é contagiosa?

A pneumonia bacteriana não é contagiosa, pois a transmissão das bactérias causadoras da doença, geralmente, não ocorre de pessoa para pessoa.

A pneumonia bacteriana ocorre através da:

  • Entrada acidental de um grupo de bactérias vindas da boca;
  • Através da circulação sanguínea, vinda de uma infecção em outro local do corpo.

Por não ser contagiosa, o paciente com pneumonia bacteriana não necessita ficar isolado dos outros. No entanto, para facilitar a cura, o paciente não deve ir ao trabalho ou a escola.

Tratamento para Pneumonia Bacteriana

O tratamento da pneumonia bacteriana pode ser feito em casa com repouso e uso de antibióticos, como amoxicilina, levofloxacina ou ceftriaxona, por 7 a 14 dias, de acordo com a recomendação médica.

Em alguns casos pode-se complementar o tratamento com sessões diárias de fisioterapia respiratória e, nos casos mais graves, pode também ser necessário internamento hospitalar.

Veja mais detalhes do tratamento em: Tratamento da pneumonia bacteriana.

A Pneumonia Bacteriana pode matar?

A pneumonia bacteriana pode matar quando o paciente não recebe o tratamento adequado. Neste caso pode haver complicações como a entrada de bactérias na corrente sanguínea e ao se espalhar causarem uma situação grave chamada septcemia, que afeta principalmente o coração, cérebro e rins.

Prevenção da Pneumonia Bacteriana

A prevenção da pneumonia bacteriana pode ser feita através da lavagem frequente das mãos, evitar permanecer em locais fechados com pouca ventilação de ar, tomar a vacina contra gripe e fazer o possível para combater gripes e resfriados mais rapidamente. Veja os detalhes da vacina em: Vacina contra gripe.

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade