Dente-de-leão

publicidade

O Dente-de-leão é uma planta medicinal, também conhecida como Amor-dos-homens, Taráxaco ou Quartilho, muito utilizada para tratar problemas nos rins e no fígado.

O seu nome científico é Taraxacum officinale e pode ser comprada em lojas de produtos naturais, farmácias de manipulação e algumas feiras livres.

Para que serve Dente-de-leão

O Dente-de-leão serve para ajudar no tratamento de doenças hepáticas, problemas das vias biliares, hemorroidas, gota, reumatismo, problemas de pele, problemas renais e diabetes.

Propriedades do Dente-de-leão

As propriedades do Dente-de leão incluem sua ação anti-inflamatória, diurética e estimulante do apetite.

Modo de uso do Dente-de-leão

As partes usadas do Dente-de-leão são suas raízes e folhas para fazer chá, cataplasmas ou xaropes, por exemplo.

  • Chá de Dente-de-leão para gota: colocar 15 g de folhas e raízes em 250 ml de água fervente e deixar repousar por 10 minutos. Depois coar e beber 2 a 3 vezes por dia.
  • Cataplasma de Dente-de-leão para reumatismo: colocar 3 colheres (de sopa) de folhas de Dente-de-leão em 500 ml de água e ferver durante 5 minutos. Depois esmagar a mistura, espalhar sobre o pano de linho limpo e aplicar sobre a articulação dolorida.

Além disso, as folhas frescas de de Dente-de-leão podem ser utilizadas para complementar saladas.

Efeitos colaterais do Dente-de-leão

Os efeitos colaterais do Dente-de-leão incluem azia e diarreia, quando consumida em excesso.

Contraindicações do Dente-de-leão

O Dente-de-leão está contraindicado para pacientes com hipertensão descontrolada, esofagite ou hérnia de hiato. Na gravidez, seu uso só deve ser feito sob indicação médica.

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade