Linguagem dos Bebês

publicidade

Os bebês se comunicam, mesmo que não falem de uma forma muito clara para os pais, pois possuem a sua própria linguagem, a chamada linguagem dos bebês.

Esta linguagem foi descoberta por Priscila Danstun, que estudou vários bebês durante 8 anos e descobriu o significado de cada tipo de choro dos bebês, referindo que:

  • Néh ou Nhé: significa que o bebê precisa comer;
  • Own, Au ou Ai: significa que o bebê precisa dormir;
  • Éh repetido várias vezes: indica que o bebê está desconfortável com algo, seja frio, calor, roupas inadequadas;
  • Eairh + caretas + movimentos das pernas: significa que o bebê está sentindo dor, provavelmente serão as cólicas;
  • Hé dito com vários intervalos: indica que o bebê precisa arrotar.

Assim, é verdade que os bebês se comunicam através do choro e o som de cada choro diferencia-se de acordo com a necessidade da criança.

Trocar a fralda, comer, arrotar, estar incomodado, sentir cólica ou até mesmo cansaço. São cinco as palavras que eles conseguem "falar" e dominar essa linguagem ajuda muito a vida dos pais, diminuindo extremamente sua angustia e também o estresse do bebê, criando um laço de maior segurança e conforto entre os pais e o filhos.

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade