Andropausa

publicidade

A andropausa masculina equivale à menopausa na mulher e não significa incapacidade de ereção do pênis, mas sim uma diminuição de testosterona na corrente sanguínea, responsável pela produção de espermatozoides.

Na maior parte das vezes, a entrada na andropausa não é percebida pelo homem porque é um passo natural do processo de envelhecimento masculino.

Idade da Andropausa

A andropausa, geralmente, acontece por volta dos 50 anos de idade, mas há homens que entram na menopausa aos 45 anos de idade e, neste caso, é chamada de andropausa precoce.

Sinais e sintomas da andropausa

Os sinais e sintomas da andropausa incluem:

  • Ausência de ereções espontâneas pela manhã;
  • Infertilidade;
  • Redução da líbido;
  • Acúmulo de gordura abdominal;
  • Crescimento reduzido da barba e redução dos pelos no resto do corpo;
  • Perda de força e massa muscular;
  • Anemia, pois a testosterona é responsável pela produção dos glóbulos vermelhos do sangue.

Sensações, como ondas de calor ou frio, suores ou palpitações também podem ser relatados por alguns homens que entram na andropausa.

A andropausa pode também afetar emocionalmente o homem, se manifestando com o aumento da irritabilidade, dificuldade de concentração, depressão e ansiedade.

Causas da andropausa

As causas da andropausa estão relacionadas com a redução da produção de testosterona, resultando em uma diminuição da testosterona no sangue e, consequentemente, diminuição da produção de espermatozoides.

Diagnóstico da andropausa

O diagnóstico da andropausa pode ser feito através do exame de sangue, observação dos sintomas, dosagem da prolactina e gonadotrofinas e teste da função tireoidiana para avaliar os níveis de testosterona no sangue e ter a certeza que a baixa da testosterona não se deve a outras causas.

A andropausa está presente se, além dos sintomas, os níveis de testosterona total no sangue estiverem abaixo de 300 mg/dl ou 6,5 mg/dl³.

Tratamento da andropausa

O tratamento da andropausa tem como objetivo diminuir os efeitos da redução da produção da testosterona, sendo aconselhado fazer reposição hormonal masculina através de medicamentos para aumentar a taxa de testosterona no sangue, especialmente em homens que sentem as alterações da andropausa de forma mais intensa.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade