Dor de ouvido

publicidade

A dor de ouvido é um sintoma que surge, principalmente, após estar muito tempo ao frio ou ao introduzir água ou objetos, como cotonetes e palitos, no canal auditivo, que podem provocar uma infecção do ouvido ou rompimento do tímpano. Porém, outras causas incluem problemas na mandíbula ou crescimento de um dente, por exemplo.

Geralmente, a dor de ouvido é mais frequente em crianças, uma vez que apresentam maiores chances de desenvolver infecções dentro do ouvido ou canal auditivo.

Para tratar a dor de ouvido é recomendado consultar o otorrinolaringologista, no caso do adulto, ou o pediatra, no caso dos bebês e crianças, para iniciar o tratamento mais adequado.

Como identificar a dor de ouvido

Para identificar a dor de ouvido, principalmente no caso do bebê e das crianças, deve-se estar atento aos seguintes sinais:

  • Coceira no ouvido;
  • Irritabilidade e choro fácil;
  • Dificuldade para dormir;
  • Perda de apetite;
  • Dificuldade para ouvir sons mais baixos;
  • Perda de equilíbrio.

Nos casos de infecção do ouvido, também podem surgir outros sintomas, como febre acima de 38ºC, líquido saindo do canal auditivo ou mau cheiro perto do ouvido. Nestes casos é recomendado consultar o médico para iniciar o tratamento adequado, que pode incluir o uso de antibióticos.

Saiba mais sobre a dor de ouvido infantil em: Dor de ouvido em bebê.

O que pode causar a dor de ouvido

A dor de ouvido pode ter várias causas, que, em alguns casos, podem ser identificadas através dos sintomas e de quando surgem. Assim:

  • Dor de ouvido e garganta: pode ser sinal de infecção do ouvido, conhecida por otite, que pode-se alastrar para a garganta, provocando febre acima de 38ºC, dor em forma de pontada e mau cheiro ao falar, por exemplo. Nestes casos é recomendado consultar o médico para inciar o tratamento com antibióticos;
  • Dor de ouvido no avião: é, frequentemente, provocada pela diferença de pressão que ocorre, principalmente, quando o avião está decolando ou aterrissando. O que se pode fazer é mastigar chiclete ou bocejar nesses momentos. Já no caso do bebê, dar uma mamadeira de água é uma boa forma de aliviar a dor;
  • Dor de ouvido e mandíbula: pode indicar problemas na articulação da mandíbula, como artrite ou deslocamento da articulação, que geram piora da dor ao abrir a boca para bocejar ou mastigar, por exemplo. Nestes casos pode-se colocar uma compressa quente junto do ouvido e da articulação da mandíbula para aliviar a dor, mas é importante consultar o otorrinolaringologista para iniciar o tratamento adequado;
  • Dor de ouvido quando engole: pode ser sintoma de infecção na garganta, como amigdalite ou tonsilite, que provoca dor também no ouvido por ser um órgão próximo. Nestes casos é aconselhado consultar o médico para iniciar o tratamento com anti-inflamatórios, como Ibuprofeno, ou antibióticos, como a Amoxicilina.

Além destas causas, a dor de ouvido também pode ser provocada pelo crescimento dos dentes no bebê, nascimento dos dentes do siso no adulto ou problemas nos dentes, como abcesso, cárie ou bruxismo, por exemplo. Nestes casos é recomendado consultar o dentista para diagnosticar o problema e inciar o tratamento adequado.

O que fazer na dor de ouvido

O tratamento para dor de ouvido deve ser sempre orientado por um médico, após o diagnóstico do problema que está causando a dor, podendo incluir o uso de analgésicos, como o Paracetamol, anti-inflamatórios, como o Ibuprofeno, ou antibióticos, como a Amoxicilina.

Porém, para aliviar a dor de ouvido em casa pode-se colocar uma bolsa de água morna junto ao ouvido durante 15 minutos e descansar sentado, em vez de deitado, para reduzir a pressão no ouvido. No entanto, estes tratamentos caseiros só devem ser utilizados para aliviar a dor até à consulta com o médico e nunca devem substituir o tratamento médico.

Quando procurar médico

Deve-se consultar um médico quando:

  • A dor de ouvido dura mais de 3 dias;
  • A dor de ouvido piora nas primeiras 48 horas;
  • Surgem outros sintomas, como febre acima de 38ºC, tonturas, dor de cabeça ou inchaço no ouvido.

Nestes casos, é recomendado consultar um otorrinolaringologista para que ele peça exames e indique a causa, podendo indicar outro profissional de saúde mais adequado para iniciar o tratamento, caso seja necessário.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última atualização do site: 18/09/2014 Última atualização da página: 10/09/2014
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.