Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Tratamento para Hipotireoidismo

O tratamento para hipotireoidismo, caracterizado pela produção insuficiente de hormônios pela tireoide, consiste no uso de medicamentos que contêm na sua composição uma forma sintética do hormônio da tireoide, conhecida como Levotiroxina.

Estes medicamentos devem ser ingeridos durante toda a vida, sendo que o recomendado é tomar logo pela manhã, pelo menos 30 minutos antes do café da manhã para que a digestão dos alimentos não diminua a sua eficácia. A dose deve ser prescrita pelo endocrinologista e pode variar de tempos em tempos, dependendo da concentração de hormônios T3 e T4 na corrente sanguínea.

Após 2 meses do início do tratamento, o médico normalmente pede o exame de sangue TSH para verificar se a taxa hormonal está regularizada e, caso contrário, faz os ajustes necessários na dose. Após a dose estar ajustada o médico deverá pedir a realização de exames de sangue TSH, de 6 em 6 meses ou 1 vez por ano, para o adequar a dose de medicação que é necessária para controlar a doença.

Além da toma deste hormônio sintético, é importante seguir outras dicas como:

  • Controlar os níveis de colesterol no sangue, evitando o consumo de gorduras;
  • Fazer uma dieta ajude no bom funcionamento do fígado, pois ele é quem produz os hormônios necessários para o organismo. Veja algumas dicas em: Dieta para o fígado.
  • Evitar o excesso de estresse, pois prejudica a secreção de hormônios pela tireoide.

Em alguns casos, o médico também pode recomendar consultar um nutricionista pois o tratamento nutricional, com suplementos de iodo, podem ajudar a diminuiro os sintomas de hipotireoidismo. A toma de chás como dente-de-leão e centelha asiática também podem ser úteis. Veja como tomar e outros exemplos clicando aqui.

Tratamento para hipotireoidismo subclínico

O tratamento para hipotireoidismo subclínico nem sempre é necessário, pois esta é uma forma mais leve do problema, sendo apenas recomendado quando o valor de TSH no sangue está entre 10 e 15 mIU/L, por exemplo. No entanto, os pacientes com mais de 65 anos devem sempre receber tratamento com Levotiroxina, mesmo que apresentem resultados de TSH inferiores a 10mIU/L.

Além disso, as grávidas que sofrem com hipotireoidismo subclínico também devem ser tratada para diminuir o risco de parto prematuro, aborto e possíveis alterações no desenvolvimento do bebê.

Veja os melhores alimentos para combater o hipotireoidismo e se sentir melhor no vídeo a seguir:

Sinais de melhora do hipotireoidismo

Os sinais de melhora do hipotireoidismo podem surgir até 2 semanas após o início do tratamento e incluem diminuição do cansaço e melhora do humor. Além disso, a longo prazo o tratamento do hipotireoidismo também ajuda a controlar o peso e a reduzir os níveis de colesterol no sangue, por exemplo.

Sinais de piora do hipotireoidismo

Os sinais de piora do hipotireoidismo normalmente surgem quando a dose de Levotiroxina não está adequado, provocando insônia, aumento do apetite, palpitações e tremores, por exemplo.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...