Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Enxaqueca com aura: opções de tratamento

Não existe um tratamento específico para a enxaqueca com aura, no entanto, existem várias formas de aliviar a dor, que dependem da causa da enxaqueca e da intensidade dos sintomas.

Assim, é sempre recomendado consultar um neurologista, ou um clínico geral, para avaliar o melhor tratamento.

Enxaqueca com aura: opções de tratamento

Os remédios para aliviar a dor da enxaqueca funcionam melhor quando começam a ser tomados assim que surge o primeiro sinal de dor, e podem incluir:

  • Anti-inflamatórios, como Ibuprofeno ou Naproxeno: impedem a inflamação das membranas que cobrem o cérebro e também reduzem a produção de substâncias responsáveis pela dor;
  • Isometepteno, também conhecido como Neosaldina: é um remédio que evita os espamos na cabeça, aliviando a dor de cabeça intensa, como a enxaqueca;
  • Triptanos, como Sumatriptano ou Rizatriptano: normalmente são os remédios com melhor efeito pois reduzem a produção de substâncias responsáveis pela dor nos nervos;
  • Opióides, como a Codeína: são usados apenas nos casos em que o tratamento não pode ser feito com outros remédios.

Na maior parte dos casos, os remédios para enxaqueca são utilizados na forma de comprimidos, no entanto, alguns também existem como spray nasal, para ter um efeito mais rápido.

Estes medicamentos só devem ser utilizados durante a crise, pois a maioria pode provocar efeitos colaterais quando utilizados durante longos períodos de tempo. Para evitar o surgimento de uma nova crise, deve-se optar por outros tipos de remédios que são mais seguros para um uso prolongado.

Remédios para evitar as crises de enxaqueca

O uso de remédios para evitar futuras crises de enxaqueca com aura são usados principalmente nos casos em que a enxaqueca surge mais de 2 vezes por mês e permitem não só reduzir a frequência, como também para garantir que, quando surge, a crise apresenta sintomas mais leves.

Alguns dos medicamentos usados para prevenir a enxaqueca são:

  • Antidepressivos tricíclicos, como Amitriptilina ou Nortriptilina;
  • Remédios para a pressão alta, como Propranolol, Atenolol ou Metoprolol;
  • Anticonvulsivantes, como Valproato, Gabapentina ou Topiramato.

Além disso, a injeção de botox nos músculos em redor da cabeça também pode ajudar a evitar a enxaqueca em algumas pessoas e, por isso, também pode ser indicado para alguns pacientes.

Opções de tratamento natural

Além do tratamento medicamentoso para aliviar a dor de enxaqueca ou para evitar o surgimento de uma crise é muito importante ter bons hábitos diários, como dormir pelo menos 7 horas, evitar situações de muito estresse e praticar exercício físico regular.

No entanto, a alimentação também pode ajudar muito a reduzir a dor de cabeça ou a evitar crises, sendo importante evitar alimentos que normalmente levam ao surgimento de uma enxaqueca, como vinho tinto, cerveja, cebola, chocolate ou carnes processadas, por exemplo. Além disso, fazer suplementação com magnésio, vitamina B12 e coenzima Q10 também parecem ajudar as chances de ter uma enxaqueca. Veja algumas dicas da nossa nutricionista:

Para complementar este tratamento natural, podem ainda ser usados os chás de algumas plantas medicinais, como das folhas de Tanacetum parthenium ou da raiz de Petasites hybridus.

Veja a receita de outros remédios naturais que combatem a enxaqueca.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...