Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Tratamento para encefalopatia hepatica

O tratamento nutricional para encefalopatia hepática que é uma complicação da doença hepática, deve ser dietas de preferência com proteínas de origem vegetal e também com pouco sal.

Dieta para encefalopatia hepática

A dieta para encefalopatia hepática deve ser normocalórica, ou seja deve ter calorias que supram normalmente os seu gastos energéticos.

Um dos objetivos da dieta na cirrose ou doença hepática, para tratar a encefalopatia hepática é impedir ou reverter quadros de desnutrição, e por isso um lanche durante a noite pode ser introduzido para melhorar o peso e o estado geral do paciente. A dieta com restrição proteica e aminoácidos ramificados para tratar a encefalopatia hepática deve ser seguida apenas durante o período de 3 a 5 ou enquanto existir manifestações clínicas e sintomas como lentificação dos pensamentos, tremores e distúrbios comportamentais.

Na encefalopatia hepática é importante evitar jejum via oral (com exceção dos casos de hemorragia digestiva ou outro impedimento mecânico) e fazer uma ​restrição proteica por tempo limitado (3 a 5 dias) nos casos de encefalopatia hepática grave porque um dos principais objetivos do tratamento é evitar a perda de peso e de proteínas do corpo visceraise musculares.

Graus da encefalopatia hepática

A encefalopatia hepática é classificada de acordo com a sua gravidade e pode ser:

  • Grau I
  • Grau II
  • Grau III
  • Grau IV

A dieta para encefalopatia hepática deverá ser adaptada ao grau da manifestação desta complicação e a proteína só deverá ser restringida nos casos mais graves da encefalopatia.

Alimentos aconselhados durante a crise de encefalopatia hepática

  • soja;
  • peixe e miúdos de peixe;
  • leite de ovelha

Os alimentos com grandes quantidades de aminoácidos de cadeia ramificada são os alimentos aconselhados durante a crise encefalopatia hepática grave. (Isoleucina, valina e leucina. Em menor quantidade alimentos ricos em aminoácidos e cadeias aromáticas.

Alimentos proibidos na encefalopatia hepática grave

  • ovos;
  • carne vermelha;
  • leite de vaca e seus derivados como iogurte e queijo.

Encefalopatia hepática é considerada grave quando ela está entre os graus III e IV.

A dieta deverá voltar ao normal, com proteínas em quantidades normais 1,2 a 1,8 g/kg/dia, assim que a crise passar, de forma a melhorar o estado nutricional do paciente.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...