Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Tratamento da celulite com ultrassom

Um excelente forma de eliminar a celulite é realizar um tratamento com ultrassom estético, porque este tipo de ultrassom rompe as paredes das células que armazenam a gordura, facilitando a sua retirada, solucionando assim uma das causas da celulite.

A celulite é um transtorno estético causada por diversos fatores, que incluem o aumento do número de células de gordura na região, maior acumulo de linfa e redução da microcirculação sanguínea. O ultrassom estético atua diretamente nestas 3 áreas, com ótimos resultados que podem ser vistos à olho nu e comprovado por fotografias do antes e depois do tratamento.

Tratamento da celulite com ultrassom

Quantas sessões fazer

O número de sessões variam de acordo com o grau de celulite que a pessoa possui e o tamanho da área a ser tratada. Cada sessão dura cerca de 20-40 minutos, deve ser feita 1-2 vezes por semana, sendo indicadas de 8-10 sessões para eliminar a celulite.

Qual ultrassom indicado

Existem diversos tipos de ultrassom, mas o tipo mais indicados para a eliminação da celulite são:

  • Ultrassom de 3 MHz: emite vibrações sonoras que promove uma micro-massagem que aumenta o metabolismo celular e reorganiza o colágeno. Ele atinge as camadas mais superficiais da pele, afetando especificamente os nódulos de celulite;
  • Ultrassom de alta potência: Especialmente desenvolvido para atuar na pele e sob os nódulos de gordura

Para potencializar seu efeito pode-se usar um gel à base de cafeína, centella asiática e thiomucase, porque o próprio aparelho irá facilitar a penetração destes ativos, potencializando seus efeitos.

Como potencializar o tratamento da celulite

Além de realizar o tratamento com ultrassom de forma contínua (8-10 sessões) durante este período é recomendado beber cerca de 2 litros de água por dia ou chá verde, sem açúcar, e adequar a alimentação restringindo o consumo de alimentos ricos em gordura e açúcar. Após cada sessão de ultrassom é indicado ainda realizar uma sessão de drenagem linfática, em até 48 horas, para ajudar a circulação linfática, e praticar atividade física de moderada à alta intensidade para queimar a gordura mobilizada pelo aparelho.

Quem não deve fazer

O tratamento com ultrassom é contraindicado em caso de febre, infecção ativa, câncer na região ou próximo a região a ser tratada, com risco de aumento do tumor, implante metálico (como o DIU) na região a ser tratada, alterações de sensibilidade, durante a gravidez na região abdominal, em caso de tromboflebite e varizes, com risco de causar embolia.


Bibliografia

  • MACHADO, GC; et al. Análise dos efeitos do ultrassom terapêutico e da eletrolipoforese nas alterações decorrentes do fibroedema geloide. Fisioter Mov. Vol.24. 3.ed; 471-9, 2011
  • JESUS; Cristiane Borges Rocha. O ultrassom no manejo clínico do fibro edema gelóide (celulite). Journal of Applied Pharmaceutical Sciences . Vol.1. 4-8, 2014
Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem