Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Principais sintomas de impingem e como é o diagnóstico

Abril 2020

O sintoma mais característico de impingem é o aparecimento de uma mancha vermelha na pele, arredondada e com bordas bem definidas que podem descamar e coçar. Essa mancha aparece mais facilmente em locais úmidos do corpo, principalmente nas dobras, como pescoço, axilas e virilha devido à umidade e à temperatura mais elevada da região.

A impingem é uma infecção causada por fungos que podem ser encontrados na pele mas que devido a algum fator podem proliferar excessivamente e levar ao aparecimento dos sinais e sintomas da infecção. É importante que a mancha da impingem seja avaliada pelo dermatologista, pois pode ser confundida com outras alterações que envolvem a pele, como pitiríase rósea, reações ao uso de medicamentos, dermatite numular, ou psoríase, por exemplo.

Principais sintomas de impingem e como é o diagnóstico

Principais sintomas

Os sintomas de impingem surgem devido à proliferação excessiva de fungos que podem ser encontrados naturalmente na pele, podendo ser percebido:

  • Mancha avermelhada, redonda e com as bordas ásperas na pele com o interior de cor clara;
  • Coceira na região, podendo espalhar o fungo para outras regiões do corpo, levando ao aparecimento de outras manchas;
  • Leve inchaço no local;
  • Descamação da pele;
  • Descamação do couro cabeludo e perda de cabelo no local, no caso do fungo responsável pela impingem atingir a cabeça.

Os sintomas podem persistir por vários dias e as manchas podem espalhar-se facilmente atingindo áreas próximas quando não são logo tratadas com o uso de medicamentos antifúngicos receitados pelo médico.

Por isso, é importante consultar um dermatologista assim que surgirem as primeiras manchas, pois apesar de não ser grave, a impingem é incômoda e contagiosa, podendo ser facilmente transmitida para outras pessoas. Veja como identificar o impingem.

Como é feito o diagnóstico

O diagnóstico do impingem é feito pelo dermatologista através do exame dermatológico, em que são observadas as características das lesões apresentadas pela pessoa.

Além disso, podem ser realizados outros exames como raspado da lesão, análise microbiológica e exame da lâmpada de Wood, em que o médico avalia a fluorescência da mancha quando exposta à luz UV do equipamento, sendo útil para a identificação de alguns fungos e realização de diagnóstico diferencial. Entenda o que é e como é feito o exame da lâmpada de Wood.

Tratamento para impingem

O tratamento para impingem deve ser feito o mais breve possível para que as chances de transmissão sejam diminuídas e os sintomas possam ser aliviados. Assim, normalmente é indicado pelo dermatologista o uso de medicamentos que podem ser utilizados em forma de pomada que devem ser colocadas na lesão, como por exemplo Cetoconazol, Fluconazol, Terbinafina e Amorolfina.

Além das pomadas, há algumas opções de remédios caseiros para tratar a impingem, como por exemplo a levedura de cerveja, o repolho e o alecrim-pimenta, pois aliviam os sintomas da doenças e ajudam a combater a infecção. Veja algumas opções de remédio caseiro para impingem.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem