Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como saber se é Fascite Plantar

A dor na sola do pé é o sintoma mais característico da fascite plantar, uma inflamação que causa dor e desconforto desde que a pessoa coloca o pé fora da cama ao acordar até quando ela anda. 

A fascite é mais comum nas mulheres, especialmente naquelas que tem um pé muito cavo ou que usam sapato de salto alto todos os dias para trabalhar. Isso faz com que o pé fique pouco a pouco 'deformado' e como consequência esse tecido fica muito tenso e acaba inflamando causando dor em forma de pontada e essa dor geralmente piora ao movimentar os dedos dos pés para cima ou para baixo.

Como consequência dessa tensão exagerada o local onde a fáscia se insere no calcâneo como formar um esporão, que é um pedacinho de osso e causa ainda mais dor.

Como saber se é Fascite Plantar

Sintomas da Fascite Plantar

Os sintomas da fascite plantar são:

  • Dor na sola dos pés de manhã ou ao caminhar e
  • Dor no calcanhar, mais especificamente no meio do osso.

Embora as mulheres sejam as mais afetadas os homens que praticam corrida como forma de atividade física ou competitiva e também os bateristas podem desenvolver fascite plantar. Os corredores de longa distância, como a maratona, são frequentemente afetados mas a dor nem sempre afeta os dois pés.

A fascite plantar pode ser confirmada através do raio-x ou da ressonância magnética onde percebe-se o acúmulo de líquido à volta da fáscia plantar e o espessamento deste tecido. No entanto, nem sempre é necessário fazer exames para confirmar porque os testes clínicos que agravam a dor podem ser suficientes para o diagnóstico que pode ser feito pelo ortopedista ou fisioterapeuta.

Como curar a fascite plantar

O médico pode recomendar um tratamento que consiste na toma de anti-inflamatórios com forma de comprimidos ou pomadas para aplicar no local da dor, mas a fisioterapia também é amplamente recomendada. Esta deve ser realizada diariamente, e o número de sessões vai depender da recuperação do próprio indivíduo e pode durar de 12 à 18 meses. Mas o certo é que se nada for feito, a dor só vai piorar a lesão agravar-se tornando o caminhar cada vez mais difícil.

Usar sapatos confortáveis, evitar longas caminhadas, usar uma palmilha especial e emagrecer, são regras que devem ser cumpridas durante o tratamento para a fascite plantar, para agilizar o processo de cura. Veja tudo o que se pode fazer para curar a fascite mais rápido.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...