Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Sintomas da Síndrome de Wiskott-Aldrich

A síndrome de wiskott-Aldrich é uma doença rara que pode manifestar-se através de formas diferentes. Os sintomas da síndrome de wiskott- Aldrich podem ser:

Tendência para hemorragias:

  • Número e tamanho reduzido das plaquetas no sangue;
  • Hemorragias cutâneas caracterizada por pontos vermelhos-azulados do tamanho da cabeça de um alfinete, denominados “petéquias”, ou poderão ser maiores e assemelharem-se a equimoses;
  • Fezes com sangue (principalmente na infância), sangramento das gengivas e hemorragias nasais prolongadas.

Infecções frequentes​ causadas por todo tipo de microrganismo tais como:

  • Otite média, sinusite, pneumonia;
  • Meningite, pneumonia provocada pelo Pneumocystis jiroveci;
  • Infecção viral da pele causada pelo molusco contagioso.

​​Eczema:

  •  Infecções frequentes da pele;
  •  Manchas escuras na pele.

Manifestações auto imunes:

  • Vasculite;
  • Anemia hemolítica;
  • Púrpura trombocitopénica idiopática.

O diagnóstico para esta doença pode ser feito pelo pediatra após a observação clínica dos sintomas e realização de exames específicos. Avaliar o tamanho das plaquetas é uma das formas de diagnosticar a doença, pois poucas são as doenças que possuem esta característica.

Tratamento para síndrome de wiskott-Aldrich

O tratamento para síndrome de wiskott-Aldrich geralmente inclui o transplante de medula óssea, mas a doença não tem cura e a expectativa de vida é baixa devido as suas características.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...