Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Conheça os Sintomas da Espondilite Anquilosante

A Espondilite Anquilosante afeta especialmente as articulações da coluna, pois é uma doença inflamatória crônica onde existe a tendência para estas articulações se unirem entre elas, o que causa sintomas como dor, perda de mobilidade e menor flexibilidade na coluna 

Esta doença é mais comum em homens entre os 20 e os 30 anos de idade, sendo menos comum nas mulheres. Trata-se de uma doença genética que pode levar à invalidez, estando em alguns casos associada a outros problemas como doenças inflamatórias intestinais ou psoríase, por exemplo. 

Principais Sintomas

Alguns dos principais sintomas causados por esta doença incluem: 

  • Dor na região dos glúteos e no fundo das costas, que não passa quando se está em repouso; 
  • Sensação de rigidez ou de movimentos presos na região da coluna e cervical, especialmente de manhã ao acordar; 
  • Dor nas articulações;
  • Febre e fadiga; 
  • Perda de apetite; 
  • Dor e inflamação dos ligamentos ou tendões;
  • Inflamação do tendão de Aquiles que provoca dor no calcanhar;
  • Dificuldade para respirar. 
Impacto e alterações que a Espondilite Anquilosante provoca na Coluna Vertebral.Impacto e alterações que a Espondilite Anquilosante provoca na Coluna Vertebral.

Os surtos de inflamação, podem surgir também em outros locais além da coluna vertebral, podendo surgir em outras articulações como ombros, quadril, joelhos e tornozelos, causando dor e desconforto devido à inflamação. Além dos sintomas referidos, também é comum o aparecimento de uma inflamação no olho chamada de uveíte, que causa dor e vermelhidão nos olhos, e que quanto nõa tratada pode levar à cegueira. Veja seus sintomas e tratamento aqui.

A dor que esta doença causa é geralmente lenta e gradual, e muitas vezes não é possível identificar quando começaram a surgir os primeiros sintomas da doença. Esta é geralmente pior nas últimas horas do dia e logo pela manhã, melhorando com as atividades diárias e exercício físico. 

Principais Causas 

Não são conhecidas as causas que levam ao surgimento da Espondilite Anquilosante, no entanto foi identificado que esta doença está relacionada com a presença de um antigênio específico no corpo chamado HLA-B27. 

Este antigênio passa-se geneticamente entre os membros de certas famílias, desencadeando uma resposta anormal no corpo e provocando a doença. 

Como é Feito o Diagnóstico

O diagnóstico desta doença é feito através da observação e avaliação dos sintomas físicos manifestados, onde o médico avalia as características da dor e se existe alguma sensação de rigidez ou de movimentos presos na região da coluna e cervical.

A confirmação do diagnóstico pode ser feita através da realização de radiografias à bacia e coluna vertebral, de modo a identificar mudanças nas articulações e vértebras. Além disso, nos casos onde o Raio-x identifica alterações, o médico pode também pedir a realização de um exame genético, que identificar a presença do antigênio HLA-B27. 

A Espondilite Anquilosante embora não tenha cura, pode ser tratada com analgésicos, anti-inflamatórios e fisioterapia, podendo em alguns casos ser necessária a realização de cirurgia. Saiba mais sobre como é feito o tratamento desta doença clicando aqui.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...