Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Síndrome de Pendred

A Síndrome de Pendred é uma doença genética rara que se caracteriza pela surdez e aumento de tamanho da tireóide, resultando no aparecimento de bócio. Esta doença desenvolve-se na infância. 

A Síndrome de Pendred não tem cura, porém existem alguns medicamentos que podem ajudar a regular os níveis dos hormônios da tireóide no organismo ou algumas técnicas para melhorar a audição e linguagem. 

Apesar das limitações, o indivíduo portador da Síndrome de Pendred pode levar uma vida normal.

Sintomas da Síndrome de Pendred

Os sintomas da Síndrome de Pendred podem ser:

  • Perda de audição;
  • Bócio;
  • Dificuldade em falar ou mudez;
  • Falta de equilíbrio.

A surdez na Síndrome de Pendred é progressiva, começando logo após o nascimento e agravando com o passar dos anos. Por essa razão, o desenvolvimento da linguagem durante a infância é complicado, sendo que muitas vezes as crianças tornam-se mudas. 

O bócio resulta de problemas no funcionamento da tireóide, levando a alterações nos níveis dos hormônios no organismo, podendo provocar hipotiroidismo nos indivíduos. Porém, apesar destes hormônios influenciarem o crescimento dos indivíduos, os pacientes com esta doença têm um desenvolvimento normal. 

Diagnóstico da Síndrome de Pendred

O diagnóstico da Síndrome de Pendred pode ser feito através de audiometria, um exame que ajuda a medir a capacidade do indivíduo ouvir; ressonância magnética para avaliar o funcionamento do ouvido interno ou testes genéticos para identificar mutação no gene responsável pelo aparecimento desta síndrome. O teste da função da tireóide também pode ser útil para confirmar esta doença. 

Tratamento da Síndrome de Pendred

O tratamento da Síndrome de Pendred não cura a doença, mas ajuda a controlar os sintomas apresentados pelos pacientes.

Nos pacientes que ainda não perderam totalmente a audição, podem ser colocados aparelhos auditivos ou implantes cocleares para recuperar parte da audição. O melhor especialista para consultar nestes casos é o otorrinolaringologista. A terapia da fala e sessões de fonoaudiologia podem ajudar a melhorar a linguagem e a fala nos indivíduos. 

Para tratar dos problemas na tireóide, particularmente o bócio, e da diminuição dos hormônios tireoideos no organismo, é aconselhável a consulta de um endocrinologista para indicar suplementação com hormônio tiroxina de forma a controlar o funcionamento da tiroide.

Links úteis:

Mais sobre este assunto:


Carregando
...