Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é Síndrome de Fregoli

A Síndrome de Fregoli é um transtorno psicológico que leva o indivíduo a acreditar que as pessoas à sua volta são capazes de se disfarçar, alterando a sua aparência, roupas ou gênero, para se fazerem passar por outras pessoas. Por exemplo, um paciente com Síndrome de Fregoli pode acreditar que o seu médico é na realidade um dos seus familiares mascarados que tenta persegui-lo.

As causas mais frequentes dessa síndrome são problemas psiquiátricos, como esquizofrenia, doenças neurológicas, como alzheimer, ou lesões cerebrais provocadas por pancadas, por exemplo.

Em alguns casos, o Síndrome de Fregoli pode ser confundido com o Síndrome de Capgras, devido à semelhança dos sintomas.

Sintomas da Síndrome de Fregoli

O principal sintoma da Síndrome de Fregoli é o fato do paciente acreditar na mudança de aparência dos indivíduos à sua volta. No entanto, outros sintomas podem ser:

  • Alucinações e delírios;
  • Diminuição da memória visual;
  • Incapacidade para controlar o comportamento;
  • Episódios de epilepsia ou convulsões

Na presença destes sintomas, os familiares devem levar o indivíduo a uma consulta no psicólogo ou psiquiatra, de forma que o médico possa indicar o tratamento adequado.

O diagnóstico da Síndrome de Fregoli normalmente é feito por um psicólogo ou psiquiatra após a observação do comportamento do paciente e dos relatos dos familiares e amigos.

Tratamento para Síndrome de Fregoli

O tratamento para Síndrome de Fregoli pode ser feito em casa com a combinação de remédios antipsicóticos orais, como Tioridazina ou Tiaprida, e remédios antidepressivos, como Fluoxetina ou Venlafaxina, por exemplo.

Além disso, nos casos de pacientes com crises convulsivas, o psiquiatra também pode receitar o uso de remédios antiepilépticos, como Gabapentina ou Carbamazepina.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar