Somos REDE D'OR
icon de informação icon de telefone 3003-3230
Número disponível apenas em território brasileiro, com custo de chamada local.

O que é a Síndrome de Budd-Chiari

Revisão médica: Dr. Arthur Frazão
Oftalmologista
março 2018

Síndrome de Budd-Chiari é uma doença rara caracterizada pela presença de grandes coágulos sanguíneos que causam a obstrução das veias que drenam o fígado. Os sintomas começam de forma repentina e podem ser muito agressivos. O fígado torna-se doloroso, o volume abdominal aumenta, a pele fica com uma coloração amarelada, há fortes dores abdominais e hemorragias.

Algumas vezes os coágulos tornam-se muito grandes e podem atingir a veia que penetra no coração, levando a sintomas de problemas cardíacos.

O diagnóstico pode ser feito de várias formas, através da observação dos sintomas característicos combinado através de ressonância magnética ou biópsia do fígado, que ajudam a excluir a hipótese de outras doenças.

Imagem ilustrativa número 1

Principais Sintomas

Os principais sintomas da síndrome de budd-chiari são:

  • Dor abdominal
  • Inchaço do abdômen
  • Pele amarelada
  • Hemorragias
  • Obstrução da veia Cava
  • Edemas nos membros inferiores.
  • Dilatação das veias
  • Falência das funções do fígado.

Síndrome de budd-chiari é uma doença grave que atinge o fígado, é caracterizada pela presença de grandes coágulos sanguíneos que causam a obstrução das veias que drenam o fígado.

Tratamento para Síndrome de budd-chiari

O tratamento para a é feito através da administração de anti-coagulantes, desde que não haja qualquer contra-indicação. Esses anti-coagulantes têm o objetivo de impedir uma trombose e outras complicações.

Nas obstruções das veias é utilizado o método de angioplastia percutânea, que consiste na dilatação das veias com um balão, seguida de doses de anti-coagulantes.

Outra opção de tratamento para a síndrome de budd- chiari é desviar o fluxo sanguíneo do fígado, evitando a hipertensão e melhorando assim as funções hepáticas.

Se houver sintomas de insuficiência hepática o meio mais seguro de tratamento, é através do transplante de fígado.

O paciente deve ser monitorado, e o tratamento correto é fundamental para a saúde do indivíduo, se não houver tratamento, portadores da síndrome de budd chiari podem morrer em poucos meses.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcelle Pinheiro - Fisioterapeuta, em março de 2018. Revisão médica por Dr. Arthur Frazão - Oftalmologista, em fevereiro de 2016.
Revisão médica:
Dr. Arthur Frazão
Clínico geral
Médico generalista, especialista em Oftalmologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, em 2008, com registro profissional no CRM/PE 16878