Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Remédios para candidíase

Os remédios para candidíase devem possuir propriedades antifúngicas com o objetivo de eliminar o desenvolvimento do fungo que podem provocar coceira, dor e vermelhidão, próprios da candidíase.

Assim, dependendo da região afetada, é possível utilizar pomadas e comprimidos orais ou de uso vaginal, para ajudar a combater a candidíase, que pode aparecer tanto no homem como na mulher.

Algumas pomadas para candidíase podem ser:

  • Fluconazol;
  • Nistatina;
  • Clotrimazol;
  • Cetoconazol.

Estas pomadas, normalmente, são utilizadas para tratar candidíase genital ou na pele, podendo ser aplicadas diariamente e durante 7 a 14 dias, de acordo com a indicação do médico.

Os remédios para candidíase no homem, em geral, são os mesmos utilizados para a mulher, com exceção dos comprimidos de uso vaginal.

Os comprimidos para candidíase de administração oral são utilizados, normalmente, em casos de infecção grave, pois atuam de forma sistêmica, fortalecendo o sistema imune contra os fungos, tratando, assim, a candidíase peniana resistente, assim como na boca, pele ou vagina.

Durante o tratamento da candidíase, é importante evitar o contato íntimo, pois quando um dos parceiros está infectado com candidíase genital pode passar o fungo para o outro, mesmo que este não apresente sintomas.

Remédio para candidíase intestinal

Os remédios para candidíase intestinal são utilizados para equilibrar a flora do intestino e incluem a toma de iogurte com lactobacillus e bifidobactérias, como o iogurte Activia, por exemplo.

Manter o intestino regular, evitando diarreias constantes ou prisão de ventre, também ajudam a manter a flora intestinal equilibrado, prevenindo que a candidíase volte a surgir.

Remédio para candidíase em dose única

Os remédios para candidíase em dose única podem ser utilizados em casos de infecção leve e apresentam-se na forma de comprimidos, de Fluconazol ou Itraconazol, que são tomados apenas uma vez.

No caso do indivíduo não apresentar melhora dos sintomas após as primeiras 24 horas, deve consultar o médico e iniciar o tratamento com outros remédios, como pomadas para candidíase.

Remédio para candidíase na gravidez

Os remédios para candidíase na gravidez mais utilizados são:

  • Nistatina ou Terconazol, comprimidos vaginais para candidíase genital;
  • Oxiconazol, em pomada para candidíase na pele.

Estes remédios para candidíase devem ser receitados pelo obstetra após observação dos sintomas.

Para complementar o tratamento com remédios para candidíase, os pacientes devem manter boa higiene corporal, utilizar roupas pouco apertadas e de algodão e evitar consumir alimentos gordurosos ou com muito açúcar.

Links úteis:

Mais sobre este assunto:


Carregando
...