Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.

Qual a diferença entre tendinite e bursite?

A tendinite e a bursite são inflamações que acontecem no tecido que envolve os músculos, sendo que a principal diferença é que a tendinite ocorre no tendão que é a parte final do músculo que se liga ao osso, e a bursite é uma inflamação da bursa, uma pequena bolsa cheia de líquido que serve como um amortecedor entre os ossos, tendões e músculos, evitando o contato com estas estruturas que poderiam ser danificadas pelo atrito constante. 

Geralmente, a tendinite ocorre devido a algum atrito no tendão, movimentos repetitivos como no caso de atletas, por artrite ou até mesmo por um enrijecimento do tendão que é normal do envelhecimento do corpo. Já a bursite, ocorre por acúmulo de líquido na bolsa que fica ferida ou irritada devido a algum trauma na articulação, artrite reumatóide, gota ou doença da tireóide.

Tanto a tendinite como a bursite podem ocorrer na articulação do ombro, cotovelo, punho, quadril, joelho ou tornozelo, por exemplo.

Qual a diferença entre tendinite e bursite?

Principais sintomas

Os sintomas da tendinite e da bursite são muito semelhantes e incluem:

  • Dor na articulação que piora ao movimentar ou quando é pressionada;

  • Dificuldade em realizar movimentos a articulação;

  • Rigidez na articulação;

  • Inchaço ou vermelhidão na articulação;

  • Sensação de temperatura elevada na articulação, devido a inflamação.

Estes sintomas podem surgir aos poucos, mas é mais comum surgirem quando a pessoa realiza algum esforço como carregar uma sacola pesada, ou esforço repetitivo, por exemplo, mas em alguns casos estes sintomas podem surgir após um traumatismo ou uma pancada na região. 

Além disso, a tendinite também pode causar uma sensação de rangido na articulação ao se movimentar o tendão da região afetada. Veja os principais sintomas da tendinite de acordo com a região afetada

Possíveis causas 

As principais causas da tendinite e a da bursite são:

  • Trauma no tendão ou na bursa como pancada, acidente ou quedas;

  • Esforço repetitivo com a articulação como no caso de atletas;

  • Carregar peso em excesso como no caso de pessoas que trabalham na construção civil, mecânicos ou enfermeiros, por exemplo;

  • Excesso de peso ou obesidade;

  • Desidratação do tendão, da bursa ou da articulação.

Além disso, a tendinite e a bursite podem acontecer mais facilmente em pessoas idosas devido ao enrijecimento natural das articulações, tendões ou bursa.

Como confirmar o diagnóstico

O diagnóstico da tendinite e da bursite deve ser feito pelo ortopedista ao observar exames de imagem como raio-x, ultrassom ou ressonância magnética da articulação. Além disso, o médico pode solicitar exames de sangue ou uma análise do líquido da bursa inflamada para identificar a causa da inflamação e da dor na articulação.

Como é feito o tratamento

O tratamento da tendinite e bursite é muito semelhante, e pode ser feito com o uso de analgésicos e anti-inflamatórios receitados pelo médico, injeção de corticóide na articulação afetada ou até cirurgia. 

Além disso, a fisioterapia também é indicada para ajudar a reduzir a inflamação, melhorar a movimentação da região afetada, e deve ser feita pelo fisioterapeuta com exercícios de alongamento e fortalecimento dos músculos em volta da região afetada, para aliviar a dor.

Tratamento caseiro para tendinite e bursite

Um bom tratamento caseiro para tendinite e bursite é colocar uma bolsa de gelo sobre a região dolorida, deixando-a atuar por cerca de 20 minutos, 1 ou 2 vezes ao dia. O gelo irá diminuir a inflamação, sendo uma ótima forma de complementar o tratamento clínico destas doenças. 

Para fazer a bolsa de gelo em casa basta colocar 1 copo de água misturado com 1 copo de álcool em um saco plástico, fechar bem e depois deixar no congelador até solidificar. Outra opção é colocar um saco de legumes congelados na região afetada. Mas é importante nunca colocar a bolsa de gelo direto na pele, deve-se sempre enrolar o saco de gelo em um pano limpo e seco para não provocar queimaduras na pele.

Assista o vídeo com outras dicas de tratamento caseiro para tendinite e bursite: 

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • ANDARAWIS-PURI, Nelly; FLATOW, Evan L.; SOSLOWSKY, Louis J. Tendon basic science: Development, repair, regeneration, and healing. J Orthop Res. 33. 6; 780-784, 2015
  • GAUT, Ludovic; DUPREZ, Delphine . Tendon development and diseases. Wiley Interdiscip Rev Dev Biol. 5. 1; 5-23, 2016
  • Aaron, Daniel L.; et al. Four common types of bursitis: diagnosis and management. J Am Acad Orthop Surg. 19. 6; 359-367, 2011
  • KHODAEE, Morteza. Common Superficial Bursitis. Am Fam Physician. 95. 4; 224-231, 2017
Mais sobre este assunto:

Carregando
...