Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Óleo de Lorenzo para tratar a Adrenoleucodistrofia

O óleo de Lorenzo é um suplemento alimentar com trioleato de glicerol e trierucato de glicerol, utilizado no tratamento da adrenoleucodistrofia, uma doença rara também conhecida como doença de Lorenzo. 

A adrenoleucodistrofia é causada pelo acúmulo de ácidos graxos de cadeia muito longa no cérebro e na glândula supra-renal e causa desmielinização dos neurônios. O óleo de Lorenzo ajuda a normalizar os níveis de ácidos graxos e quando utilizado em pacientes assintomáticos, diminui o risco de desenvolvimento da doença degenerativa e, em alguns pacientes sintomáticos, pode melhorar a qualidade de vida. 

Óleo de Lorenzo para tratar a Adrenoleucodistrofia

Indicações do Óleo de Lorenzo

O Óleo de Lorenzo está indicado no tratamento de adrenoleucodistrofia, ajudando a prevenir problemas no sistema nervoso em crianças com adrenoleucodistrofia, mas que ainda não mostraram nenhum sintoma. Em crianças que manifestam sintomas da doença, o Óleo de Lorenzo está indicado como tratamento para melhorar e prolongar a qualidade de vida.

Modo de uso do Óleo de Lorenzo

O modo de uso do Óleo de Lorenzo consiste na toma de 2 a 3 mL/dia para ajudar no tratamento de crianças com adrenoleucodistrofia. Porém, a dosagem deve ser adequada de acordo com o estado de saúde do paciente. 

Efeitos colaterais do Óleo de Lorenzo

Os efeitos colaterais do Óleo de Lorenzo são raros, mas podem incluir hematomas ou sangramento. 

Contraindicações do Óleo de Lorenzo

O Óleo de Lorenzo está contraindicado em mulheres grávidas e lactantes por não existirem estudos que demonstrem eficácia e segurança. 

Não deve ser utilizado em pacientes com diminuição do número de plaquetas no sangue, trombocitopenia, ou com diminuição de glóbulos brancos, neutropenia. 

Mais sobre este assunto:


Carregando
...