Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que comer para engravidar

Melhorar a alimentação ajuda o corpo a se preparar para a gravidez. A mulher que pretende engravidar deve ingerir alimentos ricos em vitamina E, B6, zinco e ômega 3.

A alimentação para engravidar mais rápido tem o objetivo de deixar a mulher bem nutrida, sem que ela engorde e isso melhora a produção de hormônios sexuais, facilitando a concepção.

Uma alimentação para engravidar deve começar 3 meses antes de engravidar e dura até a gravidez ocorrer, depois deve seguir-se uma alimentação para a gravidez. Saiba como deve ser a alimentação na gravidez.

O que comer para engravidar

Alimentos que ajudam a engravidar

Os alimentos que ajudam a engravidar são aqueles que possuem nutrientes necessários para a formação e funcionamento dos hormônios sexuais, como por exemplo:

  • Zinco - que se encontra em ostras, carne vermelha, fígado, sementes de abóbora, feijão de soja, amêndoa, amendoim;
  • Ômega 3 - está presente em sardinha, arenque, salmão, atum, sementes de chia, sementes de linhaça, nozes;
  • Vitamina B6 - que está no gérmen de trigo, farelo de trigo, bacalhau, couve de bruxelas, banana, manga;
  • Vitamina E - presente em sementes de girassol, avelã, óleo de girassol, óleo de amêndoa, castanha-do-pará, pistache.

Para consumir esses alimentos todos os dias, pode-se comer esses peixes nas refeições principais, usar as sementes em sucos e saladas ou comer os frutos secos ao lanche. Por exemplo, no café da manhã, colocar amêndoas na granola, ao almoço comer salmão grelhado, ao lanche fazer um suco de manga com sementes de chia e no jantar usar óleo de girassol para temperar a couve de bruxelas.

De modo geral, a mulher que deseja engravidar deve fazer uma alimentação nutritiva e colorida, evitando fast food, refrigerantes, gorduras trans, chá, café e bebidas alcoólicas, dando preferência aos alimentos frescos e integrais. 

Geralmente, o ácido fólico é um suplemento aconselhado por médicos quando a mulher decide que quer engravidar e serve para prevenir malformações do sistema nervoso do bebê, reduzindo assim o risco de nascer com espinha bífida.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem