Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Para que serve Noripurum fólico e como tomar

O Noripurum fólico é uma associação de ferro e ácido fólico, muito usado no tratamento da anemia, assim como na prevenção da anemia em casos de gravidez ou amamentação, por exemplo, ou em casos de subnutrição. Veja mais sobre anemia por falta de ferro.

Este medicamento pode ser adquirido em farmácias, sob prescrição médica, com um preço de cerca de 43 a 55 reais.

Para que serve Noripurum fólico e como tomar

Para que serve

O Noripurum fólico é indicado nas seguintes situações:

  • Anemias por deficiência em ferro ou ácido fólico;
  • Prevenção e tratamento de anemias da gravidez, do pós-parto e no período de amamentação, por deficiência em ferro e ácido fólico;
  • Anemias ferropénicas graves, pós-hemorrágicas, pós-ressecção gástrica e pós-operatórias;
  • Pré-operatório de pacientes anémicos;
  • Anemia hipocrômica essencial, cloroanemia alquílica, anemias alimentares qualitativas e quantitativas;

Além disso, este remédio também pode ser usado como adjuvante no tratamento de subnutrição. Saiba o que comer para a anemia.

Como tomar

A dose e a duração da terapia dependem da gravidade da deficiência em ferro e da idade da pessoa, podendo ser administrado de uma só vez, ou dividida em doses separadas, durante ou imediatamente após as refeições:

  • Crianças de 1 a 5 anos

A dose usual é de meio comprimido mastigável ao dia.

  • Crianças de 5 a 12 anos

A dose usual é de um comprimido mastigável ao dia.

  • Adultos e adolescentes

Em casos de deficiência de ferro manifesta, a dose usual é de um comprimido mastigável 2 a 3 vezes ao dia, até que os valores de hemoglobina estejam normais. Depois dos valores normalizarem, nos casos de anemia na gestação deve-se tomar 1 comprimido mastigável por dia pelo menos até ao final da gravidez, e nos outros casos, durante mais 2 a 3 meses. Em casos de prevenção de deficiência de ferro e ácido fólico, a dose usual é de um comprimido mastigável por dia.

Possíveis efeitos colaterais

Embora sejam raros, podem ocorrer reações adversas com o Noripurum fólico, como dor abdominal, prisão de ventre, enjoo, dor de estômago, má digestão e vômitos. Com menos frequência, pode ocorrer coceira generalizada, vermelhidão na pele, erupção cutânea e urticária.

Quem não deve tomar

O Noripurum fólico está contraindicado em casos de alergia aos sais de ferro, ácido fólico ou qualquer outro componente do medicamento. Além disso, também não deve ser usado em todas as anemias não ferropênicas ou em casos de diarreias crônicas e inchaço e dor do revestimento do cólon, chamado de retocolite ulcerativa, jé que estes processos impedem a absorção de ferro ou ácido fólico, quando tomados por via oral.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar