Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Miodrina

Miodrina é um medicamento relaxante uterino que tem como substância ativa a Ritodrina.

Esse medicamento de uso oral ou injetável é utilizado no caso de partos antes da hora prevista. A ação da Miodrina consiste em relaxar o músculo uterino diminuindo a frequência e a intensidade das contrações.

Indicações da Miodrina

Parto prematuro.

Preço da Miodrina

Uma caixa de Miodrina de 10 mg com 20 comprimidos custa aproximadamente 44 reais e a caixa de 15 mg contendo uma ampola custa aproximadamente 47 reais.

Efeitos colaterais da Miodrina

Alterações nos batimentos cardíacos da mãe e do feto; alterações na pressão arterial da mãe; ansiedade; arrepios; aumento da glicose no sangue; aumento dos batimentos do coração; choque anafilático; prisão de ventre; cor amarelada na pele ou olhos; diarreia; diminuição do potássio no sangue; dor de cabeça; dor no estômago; dor no tórax; edema pulmonar; falta de ar; fraqueza; gases; mal-estar; náuseas; sonolência; suores; tremor; vermelhidão na pele.

Contraindicações da Miodrina

Gravidez risco B; mulheres em fase de lactação; diminuição do volume de sangue; doença no coração da mãe; eclâmpsia; pressão alta não controlada; morte fetal intrauterina; pré-eclâmpsia grave.

Modo de uso da Miodrina

Uso injetável

Adultos

  • Iniciar com a administração de 50 a 100 mcg por minuto e a cada 10 minutos fazer aumentos de 50 mcg até atingir a dose necessária, que geralmente fica entre 150 e 350 mcg por minuto. Continuar o tratamento por pelo menos 12 horas após cessarem as contrações.

Uso oral

Adultos

  • Administrar 10 mg de Miodrina, 30 minutos antes do término da aplicação intravenosa. Depois 10 mg a cada 2 horas, durante 24 horas e em seguida, de 10 a 20 mg a cada 4 ou 6 horas.
Mais sobre este assunto:
Carregando
...