Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Mesotelioma maligno

O mesotelioma maligno é um tipo raro de câncer que provoca o crescimento de um tumor nas membranas que cobrem os órgãos do tórax ou nas membranas que protegem os órgãos do abdômen.

Assim, dependendo do local afetado, existem 2 tipos principais de mesotelioma maligno:

  • Mesotelioma maligno pleural: é o tipo mais comum que afeta o tecido que cobre os pulmões;
  • Mesotelioma maligno peritoneal: surge na membrana que cobre os órgãos do abdômen.

Normalmente, o mesotelioma maligno cresce numa das membranas, mas rapidamente pode afetar outros órgãos, provocando câncer nos pulmões ou estômago, por exemplo.

O mesotelioma maligno é mais comum em homens com mais de 50 anos que estiveram expostos a substâncias químicas, como amianto ou abesto.

Tratamento para mesotelioma maligno

O tratamento para mesotelioma maligno deve ser orientado por um oncologista, mas, normalmente, é feito com cirurgia para remover o máximo de tecido afetado, complementada com quimioterapia e radioterapia para eliminar as células tumorais restantes.

No entanto, a maioria dos mesoteliomas é diagnosticada em fases muito avançadas, dificultando o tratamento e diminuindo as chances sobrevivência para menos de 12 meses.

Sintomas do mesotelioma maligno

Os sintomas do mesotelioma maligno podem incluir:

  • Dor no peito;
  • Dificuldade para respirar;
  • Tosse persistente;
  • Náuseas e vômitos frequentes;
  • Febre abaixo de 38ºC constante;
  • Alteração do trânsito intestinal;
  • Emagrecimento repentino, sem razão aparente.

​​Os sintomas do mesotelioma maligno são mais frequentes na fase mais avançada da doença, podendo variar de acordo com os órgãos afetados.

Conheça melhor os sintomas desta doença em:

Mais sobre este assunto:


Carregando
...