Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Kadcyla

Kadcyla é um medicamento indicado para o tratamento do câncer da mama já com várias metáteses no corpo. Este medicamento age impedindo o crescimento e formação de novas metástases das células cancerígenas.

O Kadcyla é um medicamento produzido pela empresa farmacêutica Roche. 

Indicações do Kadcyla

O Kadcyla é indicado para o tratamento do câncer de mama já em estágio avançado e e já espalhado por outras partes do corpo. Geralmente é dado ao paciente após outros medicamentos de câncer serem dados e não ter havido sucesso. 

O medicamento Kadcyla é composto por duas drogas, o trastuzumab que impede o crescimento das células do câncer e a  mertansine que entra nas células e as destrói, reduzindo o tumor e o progresso da doença, bem como prolongar a vida do doente. 

Preço do Kadcyla

​O preço do Kadcyla por mês é de US $ 9800, sendo que um curso de tratamento de 9,6 meses terá um custo de US $ 94 000. 

Modo de uso do Kadcyla

A dose recomendada de Kadcyla é de 3,6 mg/kg e é administrado por injeção intravenosa a cada 3 semanas.

No primeiro tratamento deve-se administrar a droga durante 90 minutos, sendo os pacientes observados para verificar o aparecimento de efeitos secundários.  Caso seja bem tolerado, o medicamento deve ser administrado durante pelo menos 30 minutos. 

Não se deve administrar doses superiores a 3,6 mg/kg. 

Efeitos colaterais do Kadcyla

Os efeitos colaterais do Kadcyla são:

  • Fadiga;
  • Náuseas e vómitos:
  • ​Dores musculares;
  • Redução do número de plaquetas no sangue;
  •  Dor de cabeça;
  • Aumento das transaminases do fígado;
  • Constipação. 

Contraindicações do Kadcyla

O Kadcyla está contraindicado durante a gravidez por causar problemas genéticos graves e risco de vida para o bebê.

Alguns medicamentos podem interagir com o Kadcyla como 

  • Imatinib;
  • Isoniazida;
  • Claritromicina e telitromicina;
  • Medicamentos antifúngicos;
  • Medicamentos para o coração: nicardipine, quinidina;
  • Medicamentos para a hepatite C: boceprevir, telaprevir;
  • Medicamentos para AIDS;
  • Vitaminas e produtos naturais.

O médico deve sempre ser informado dos medicamentos que o paciente usa regularmente ou que está a tomar no momento em que inicia o tratamento. 

Mais sobre este assunto:


Carregando
...