Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Interleucina 2

Interleucina 2 é um medicamento anti-cancerígeno conhecido comercialmente como Interleukin.

Este medicamento de uso injetável é utilizado no tratamento contra o câncer nos rins. A ação da Interleucina 2 consiste no fortalecimento do sistema imunológico das células e na produção de Citocinas, uma substância fundamental para a defesa do organismo.

Indicações da Interleucina 2

Câncer das células dos rins; melanoma.

Efeitos Colaterais da Interleucina 2

Pressão baixa; aumento dos batimentos cardíacos; diarréia; vômito; calafrios; febre; sonolência; ansiedade; tontura; diminuição do volume da urina; dificuldades para respirar; aumento da tosse; erupção na pele; coceira; anemia; diminuição dos glóbulos brancos no sangue; síndrome do extravasamento capilar.

Contraindicações da Interleucina 2

Mulheres grávidas ou em fase de lactação; indivíduos menores de 18 anos; pacientes transplantados com anormalidades na função dos pulmões; pacientes com problemas de coração, dos rins, dos pulmões, do fígado ou do Sistema Nervoso Central; pacientes com hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula.

Modo de uso da Interleucina 2

Uso Injetável

Adultos

  • Câncer nas células dos rins e Melanoma: Realizar 2 ciclos de tratamento de 5 dias, separados por um período de 9 dias. Cada ciclo consiste: Na administração de 600.000 unidades/kg, por infusão intravenosa de 15 minutos, a cada 8 horas para 14 doses, ou até a ocorrência de reações adversas não toleráveis.

Dose máxima: 28 doses por ciclo.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...