Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

10 Mitos e Verdades sobre a Gripe H1N1

A gripe A, também conhecida como gripe suína é causada pelo vírus H1N1, que é transmitido pelo ar, de pessoa para pessoa, através de gotículas de saliva de um indivíduo doente para outro saudável. O diagnóstico desta gripe é feito através de exame de sangue, pois os seus sintomas são semelhantes aos da gripe comum, sendo apenas um pouco mais fortes.

Esta gripe é causada pele vírus H1N1 e ela pode ser prevenida através da toma da vacina contra a gripe. Esta é uma vacina trivalente, que ao mesmo tempo que protege contra o vírus H1N1, protege também contra os vírus H3N2 e Influenza B, vírus que causam a gripe comum.

Como a gripe A é uma gripe diferente da gripe comum, é normal surgirem dúvidas sobre o assunto, por isso veja alguns mitos e verdades relacionados com esta doença: 

Saiba como o clima frio afeta a saúde e o que fazer para se proteger

10 Mitos e Verdades sobre a Gripe H1N1

1.Tomei a vacina no ano passado, não preciso tomar esse ano de novo.

Mito. Se tomou a vacina no ano passado é muito provável que precise de tomar novamente esse ano. De ano para ano o vírus do H1N1 e os da gripe comum podem sofrer mutação, o que faz com que a vacina tenha de ser atualizada pelos laboratórios. Porém, nem todos os anos ocorrem mutações nos vírus, e por isso é recomendado falar com o seu médico ou farmacêutico para saber se precisa ou não de tomar a nova vacina atualizada. 

Por exemplo, se tomou a vacina contra a gripe do ano de 2015, em 2016 encontra-se apenas protegido contra o vírus do H1N1, mas não dos vírus da gripe comum, o H3N2 e Influenza B, pois esses sofreram alterações e mutações desde o ano passado. Assim, nesse caso para ficar protegido, necessita tomar novamente a vacina. 

2. Posso pegar a gripe A através do consumo de carne de porco.

Mito. É verdade que o ciclo de vida do vírus H1N1 passa pelo porco, mas ele só é transmitido entre as pessoas através da saliva, espirro e contato com secreções do paciente doente, da mesma forma que ocorre com a gripe comum.

3. Pessoas gripadas podem tomar a vacina.

Verdade. Pessoas gripadas, mas sem febre, podem tomar a vacina da gripe que protege contra o vírus do H1N1. Esta vacina está contraindicada apenas para bebês com menos de 6 meses de vida, pessoas com febre, com doença neurológica ou que tenham alergia ao ovo ou às substâncias timerosal, presente no Merthiolate, e à neomicina.

4. A vacina contra a gripe A pode causar morte.

Mito. Essa teoria surgiu devido à presença de duas substâncias na vacina, o mercúrio e o óleo de esqualeno. No entanto, a verdade é que o mercúrio utilizado é o etilmercúrio, que é um conservante que também faz parte de outras vacinas como a da difteria e do tétano. Já o óleo esqualeno é uma substância que está presente no nosso organismo naturalmente, e que é usada na vacina para aumentar a sua eficácia.

5. Mulheres grávidas e que amamentam podem tomar a vacina.

Verdade. Mulheres que estão grávidas ou que amamentam podem tomar a vacina normalmente, independente da idade gestacional. No entanto, a aplicação da vacina só deve ser feita após obter a autorização do obstetra.

6. Os efeitos colaterais da vacina são muito fortes.

Mito. A maior parte das pessoas não sentem qualquer efeito colateral após tomar a vacina, mas quando eles aparecem costumam durar apenas cerca de 2 dias, e os sintomas mais comuns incluem dor no local da aplicação, febre baixa e mal estar geral.

10 Mitos e Verdades sobre a Gripe H1N1

7. O vírus usado na vacina está morto, e por isso ela não causa a gripe A.

Verdade. Os vírus utilizados para produzir a vacina contra a gripe A são vírus inativados, que não causam doença pois estão mortos e divididos em pedaços. Assim, não é possível ficar doente com a gripe A depois de fazer a vacinação.

8. Essa vacina só pode ser tomada até uma certa idade. 

Mito. Esta vacina é recomendada para todas as idades, porém quanto quanto mais cedo for tomada melhor. Por isso, a partir dos 6 meses de idade ela é recomendada para todas as crianças, para que eles fiquem bem protegidas. 

9. A vacina pode ser tomada no SUS.

Verdade. Na rede púbica de saúde a vacina contra a gripe apenas está disponível mas apenas para uma parte da população chamada os “grupos de risco”. Esses grupos de risco incluem crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos, gestantes, idosos, doentes crônicos, mulheres no período pós parto, indígenas, funcionários e população carcerária.

Além disso, na rede particular esta vacina é cara, podendo custar até 200 reais por pessoa. 

10. Usar erva-doce ao invés do remédio Tamiflu funciona para combater a gripe.

Mito. Esse mito surgiu porque a erva-doce também possui o composto anis estrelado, que é usado para fabricar o remédio Tamiflu. No entanto, o anis usado no Tamiflu é retirado de uma planta originária da China, não sendo igual ao da erva-doce encontrada no Brasil e por isso o remédio não deve ser substituído. Porém, se está com gripe A pode tomar chá de erva-doce sempre que necessário, pois tem uma ação expectorante, tônica e calmante. Veja deve ser feito o tratamento da gripe suína para evitar pneumonia

Além disso, se ficar com gripe é muito importante saber identificar se é gripe A, sabendo diferenciar entre os sintomas da Gripe comum, gripe Suína e Zika

Mais sobre este assunto:


Carregando
...