Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
Fechar Coronavírus: Informações sobre COVID-19 Ler mais
O que você precisa saber?

Para que serve e como usar o Berotec

O Berotec é um medicamento que tem fenoterol na composição, que está indicado para o tratamento dos sintomas da crise aguda de asma ou outras doenças em que ocorra constrição reversível das vias aéreas, como em casos de bronquite obstrutiva crônica.

Este medicamento está disponível em xarope ou aerossol, podendo ser comprado em farmácias por um preço de cerca de 6 a 21 reais, mediante apresentação de receita médica.

Para que serve e como usar o Berotec

Para que serve

O Broncotec é um broncodilatador que pode ser usado para tratar sintomas de asma aguda e outras situações em que ocorra constrição reversível das vias aéreas, como bronquite obstrutiva crônica com ou sem enfisema pulmonar.

Como usar

A posologia do medicamento depende da forma farmacêutica:

1. Xarope

As doses recomendadas do xarope são:

Xarope adulto:

  • Adultos: ½ a 1 copo-medida (5 a 10 ml), 3 vezes ao dia;
  • Crianças de 6 a 12 anos: ½ copo-medida (5 ml), 3 vezes ao dia.

Xarope pediátrico:

  • Crianças de 6 a 12 anos: 1 copo-medida (10 ml), 3 vezes ao dia;
  • Crianças de 1 a 6 anos: ½ a 1 copo-medida (5 a 10 ml), 3 vezes ao dia;
  • Crianças menores de 1 ano: ½ copo-medida (5 ml), 2 a 3 vezes ao dia.

2. Solução pressurizada para inalação

Para episódios de asma aguda e outras condições com constrição reversível das vias aéreas, a dose recomendada é de uma inalação de 1 dose (100 mcg) por via oral, para alívio imediato dos sintomas. Caso a pessoa não melhore após cerca de 5 minutos, pode inalar outra dose até um máximo de 8 doses por dia.

Não havendo alívio dos sintomas após 2 doses, deve-se falar com o médico.

Para a prevenção da asma induzida por exercício, a posologia indicada é de 1 a 2 doses (100 a 200 mcg) por via oral, antes do exercício, até o máximo de 8 doses por dia.

Quem não deve usar

O Broncotec é contraindicado para pessoas que tenham hipersensibilidade a qualquer um dos componentes presentes na fórmula, com cardiomiopatia obstrutiva hipertrófica ou taquiarritmia.

Além disso, este medicamento também não deve ser usado por grávidas ou mulheres que estejam a amamentar.

Possíveis efeitos colaterais

Alguns dos efeitos colaterais mais comuns que podem ocorrer são tremores e tosse.

Com menos frequência pode ocorrer hipocalemia, agitação, arritmia, broncoespasmo paradoxal, náuseas, vômitos e coceira.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem