Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Doença da altitude elevada

A doença da altitude elevada, também conhecida como mal da montanha, é um distúrbio causado pela falta de oxigênio em altitudes elevadas, ou seja acima dos 2200 metros.

Os efeitos da altitude elevada são maiores quando o indivíduo sobe muito rapidamente. A adaptação a um ar com menor disponibilidade de oxigênio pode demorar dias ou semanas.

A redução da disponibilidade de oxigênio em altas altitudes afeta o corpo de muitas maneiras e os sintomas imediatos são falta de ar, aumento da frequência cardíaca e cansaço fácil. É comum também a manifestação de dor de cabeça, náusea ou vômito e distúrbios do sono.

Nas altitudes elevadas, o sangue contém menos oxigênio, produzindo uma coloração azulada da pele, lábios e unhas.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...