Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Dimercaprol

O Dimercaprol é um remédio antídoto que promove a excreção de metais pesados pela urina e fezes, sendo muito utilizado no tratamento de intoxicações por arsênico, ouro ou mercúrio.

O Dimercaprol pode ser comprado nas farmácias convencionais sob a forma de solução para injeção e, por isso, só deve ser administrado por um profissional no hospital ou posto de saúde, por exemplo.

Indicações do Dimercaprol

O Dimercaprol está indicado para o tratamento de intoxicações por arsênico, ouro e mercúrio. Além disso, também pode ser usado em intoxicações agudas de mercúrio.

Modo de uso do Dimercaprol

O modo de uso do Dimercaprol varia de acordo com o problema a tratar, sendo que as indicações gerais incluem:

  • Intoxicações leves por arsênico ou ouro: 2,5 mg/Kg, 4 vezes ao dia durante 2 dias; 2 vezes no 3º dia e 1 vez ao dia por 10 dias;
  • Intoxicações graves por arsênico ou ouro: 3 mg/Kg, 4 vezes ao dia durante 2 dias; 4 vezes no 3º dia e 2 vezes ao dia por 10 dias;
  • Intoxicações por mercúrio: 5 mg/Kg, nos primeiros dias e 2,5 mg/Kg, 1 a 2 vezes por dia, durante 10 minutos;

No entanto, a dosagem de Dimercaprol deve ser sempre indicada pelo médico que prescreveu o remédio.

Efeitos colaterais do Dimercaprol

Os principais efeitos colaterais do Dimercaprol incluem aumento dos batimentos cardíacos, aumento da pressão arterial, dor no local da injeção, mau hálito, tremores, dor na barriga e dor nas costas.

Contraindicações do Dimercaprol

O Dimercaprol está contraindicado para pacientes com insuficiência hepática e no tratamento de intoxicações por ferro, cádmio, selênio, prata, urânio.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...