Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como fazer a Dieta de Cambridge

A dieta de Cambridge é uma dieta de restrição calórica, criada a década de 70 por Alan Howard, em que as refeições são substituídas por fórmulas nutritivas e é utilizada por pessoas que desejam perder peso.

As pessoas adeptas a essa dieta contam com refeições preparadas que começam com 450 calorias e variam até 1500 calorias por dia com o objetivo de promover a perda de peso ou realizar a manutenção do peso desejado. Nessa dieta não são consumidos alimentos, mas sim shakes, sopas, barras de cereais e suplementos que são preparados para que a pessoa tenha todos os nutrientes necessários para o bom funcionamento do organismo.

Como fazer a Dieta de Cambridge

Como fazer a Dieta de Cambridge

Os produtos da dieta de Cambridge só podem ser comprados em distribuidores, por isso, não estão disponíveis em farmácias, lojas de produtos naturais ou supermercados. Para fazer a dieta é importante seguir as seguintes recomendações:

  • Diminuir o consumo de alimentos 7 a 10 dias antes de iniciar a dieta;
  • Consumir apenas 3 porções diárias de produtos da dieta. As mulheres mais altas e homens podem ingerir 4 porções diárias;
  • Beber 2 litros de líquidos por dia, como café, chá, água potável;
  • Após 4 semanas fazendo a dieta pode-se adicionar uma refeição de 790 calorias por dia com 180 g de peixes ou carne de aves, queijo cottage e uma porção de legumes verdes ou brancos;
  • Depois de atingir o peso desejado fazer uma dieta de 1500 calorias por dia.

Além disso, antes de iniciar a dieta é importante calcular o Índice de Massa Corporal (IMC) para saber quantos quilos são necessários perder para manter-se saudável. Para calcular o IMC, basta colocar os dados a seguir:

Erro
help
anos
Erro
help
m
Erro
help
kg
Erro
help
Erro
help
Imagem que indica que o site está carregando

Apesar da Dieta de Cambridge possuir efeitos positivos no que diz respeito à perda de peso, é possível que seus efeitos não sejam a longo prazo devido à restrição de calorias. Por isso, é importante que após a realização da Dieta de Cambridge, a pessoa continue a ter uma alimentação saudável e balanceada e pratique atividades físicas de forma regular.

Além disso, devido à restrição do consumo de carboidratos, o organismo passa a utilizar a gordura como fonte de energia, o que pode levar ao estado de cetose, podendo resultar em mal hálito, cansaço excessivo, insônia e fraqueza, por exemplo. Saiba reconhecer os sintomas de cetose.

Opção de cardápio

O cardápio da Dieta de Cambridge envolve produtos específicos fornecidos por distribuidores específicos, pois esses produtos são confeccionados para que a pessoa não tenha deficiências nutricionais. Um exemplo de cardápio dessa dieta é o seguinte:

  • Café da manhã: Papa de maçã e canela.
  • Almoço: Sopa de galinha e cogumelos.
  • Jantar: Shake de banana.

Antes de iniciar a dieta é importante ter indicação e acompanhamento do nutricionista para que seja avaliado se esta dieta é a mais indicada para a pessoa, além de ser verificado se a perda de peso está acontecendo de forma saudável.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem