Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Darzalex: remédio para mieloma múltiplo

O darzalex é um remédio que contém daratumumab, um anticorpo que consegue se ligar a uma proteína, conhecida como CD38, que está presente nas células do mieloma múltiplo, levando o sistema imune a atacar as células com mais eficácia.

Este medicamento não pode ser comprado nas farmácias convencionais, pois só deve ser administrado no hospital por um médico ou enfermeiro.

Darzalex: remédio para mieloma múltiplo

Preço

O darzalex ainda não pode ser comprado no Brasil, pois não tem aprovação da Anvisa. No entanto, estão sendo feitos estudos para que o medicamento seja aprovado.

Para que serve

Está indicado no tratamento da adultos com mieloma múltiplo em recaída ou refratário, para o qual já tenha sido feito tratamento com um inibidor do proteossoma e um imunomodelador, tendo demonstrado preogressão da doença ao tratamento anterior.

Como usar

O darzalex só deve ser utilizado no hospital e administrado por um profissional de saúde, pois é necessário usar outros medicamentos antes e após a administração para diminuir o risco de efeitos colaterais.

As recomendações gerais indicam uma dose de 16 mg/kg de peso, sendo administrada por perfusão diretamente na veia e seguindo o seguinte esquema:

  • Semanas 1 a 8: 1 vez por semana;
  • Semanas 9 a 24: 1 vez a cada 2 semanas;
  • A partir da semana 25: 1 vez por mês.

O tratamento com este remédio deve ser interrompido, após a semana 25, se surgirem sinais de desenvolvimento da doença.

Possíveis efeitos colaterais

Alguns dos efeitos secundários mais comuns incluem infecções respiratórias, anemia, alterações no exame de sangue, febre, arrepios dores de cabeça, diminuição do apetite, aumento da pressão arterial, tosse, nariz entupido, sensação de falta de ar, náuseas, diarreia, prisão de ventre, vômitos, dores articulares e cansaço excessivo.

Quem não deve usar

O darzalex não deve ser usado em mulher grávidas ou que esteja a amamentar, assim como crianças ou pessoas com alergia a algum dos componentes da fórmula. Além disso, deve ser utilizada com precaução em doentes com problemas no fígado e rins.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...