Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Cuidados durante a gravidez de gêmeos

Durante a gravidez de gêmeos, a gestante deve ter alguns cuidados, semelhantes a uma gravidez de apenas um bebê, como ter uma alimentação equilibrada, fazer exercício físico adequado e beber bastantes líquidos. Porém, estes cuidados devem ser reforçados porque a grávida carrega dois bebês e o risco de complicações como pré-eclâmpsia ou parto prematuro, por exemplo, são maiores.

Por esta razão, na gravidez de gêmeos, é muito importante ter mais consultas de pré-natal e fazer mais exames para o obstetra poder acompanhar o crescimento e desenvolvimento dos bebês, monitorar a sua saúde, identificar precocemente problemas e instituir o tratamento, se necessário.

Cuidados com a alimentação durante a gravidez de gêmeos

Durante a gravidez de gêmeos, a gestante deve engordar no máximo 20 Kg e fazer uma alimentação saudável que inclui:

  • Aumentar o consumo de frutas, legumes e cereais integrais para ajudar a evitar a prisão de ventre e receber uma maior quantidade de vitaminas e minerais;
  • Aumentar o consumo de alimentos ricos em ácido fólico como fígado de galinha ou de peru cozidos, levedura de cerveja, feijão e lentilhas, pois o ácido fólico previne o desenvolvimento de doenças graves no bebê como a espinha bífida, por exemplo;
  • Aumentar o consumo de alimentos ricos em ômega 3 como salmão, sardinha, sementes de chia, sementes de linhaça e nozes, por exemplo, pois ajudam no desenvolvimento do cérebro do bebê;
  • Fazer lanches saudáveis, compostos por frutas frescas, iogurte de baixo teor de gordura ou sanduíches com queijo branco ou presunto magro, evitando alimentos como biscoitos, batatas fritas e refrigerantes;
  • Aumentar o consumo de alimentos fontes de ferro como carne vermelha magra, vegetais de folhas verdes e feijão, pois o risco de anemia é maior.

Isto não significa que a grávida de gêmeos tem que comer muito mais ou engordar o dobro do que se tivesse grávida de apenas um bebê. O importante é comer de forma saudável, para garantir todos os nutrientes necessários à sua saúde e do bebê.

Saiba mais em: Alimentação na gravidez e Quantos quilos posso engordar na gravidez?

Cuidados com a atividade física durante a gravidez de gêmeos

Na gravidez de gêmeos, assim como na gravidez de apenas um bebê, o exercício físico orientado pelo obstetra e por um educador físico como caminhadas, natação, yoga, pilates ou hidroginástica está recomendado, pois tem muitos benefícios como controlar o peso, facilitar o trabalho de parto e ajudar na recuperação, além de promover a saúde da mãe e dos bebês.

Porém, em alguns casos, o obstetra pode indicar a diminuição da atividade física ou a sua proibição, de acordo com o estado de saúde da gestante e dos bebês. Além disso, o repouso também pode ser indicado para incentivar o crescimento dos fetos e reduzir o risco de complicações como parto prematuro.

Para saber mais consulte: Atividade física para a gravidez 

Outros cuidados durante a gravidez de gêmeos

As gestantes de gêmeos têm maior risco de desenvolver pré-eclâmpsia, que é caracterizada por pressão alta, presença de proteínas na urina e inchaço do corpo, e de ter parto prematuro, por isso, alguns cuidados que podem evitar estas complicações incluem:

  • Medir a pressão arterial regularmente, fazer uma alimentação pobre em sal, beber 2 a 3 litros de água por dia e cumprir o repouso indicado pelo obstetra;
  • Tomar os remédios prescritos pelo obstetra para baixar a pressão;
  • Estar atenta e saber identificar os sintomas de pré-eclâmpsia como pressão arterial igual ou superior a 140 x 90 mmHg e ganho de peso repentino. Saiba mais em: Sintomas de pre-eclâmpsia;
  • Estar atenta e saber identificar os sinais de parto prematuro como contrações uterinas com intervalos de menos de 10 minutos e corrimento gelatinoso, que ocorrem entre as 20 e as 37 semanas de gestação. Leia mais em: Sinais de parto prematuro.

Para evitar o parto prematuro, o obstetra também pode prescrever o uso de remédios corticoides ou antagonistas da ocitocina a partir das 28 semanas de gestação, de acordo com a saúde da gestante e dos bebês.

Como é o parto de gêmeos

Na maioria dos casos, a cesária está recomendada em caso de parto de gêmeos porque os bebês não estão voltados de cabeça para baixo. Porém, nos casos em que eles estão nessa posição, é possível fazer parto normal.

Veja outros sinais que deve estar atenta durante a gravidez de gêmeos em: Sinais de alerta na gravidez.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...