Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como evitar a Contaminação dos Alimentos em casa

A contaminação cruzada é quando um alimento contaminado com micro-organismos, sendo os mais comuns a carne e o peixe, acaba contaminando outro alimento que seja consumido cru, podendo causar doenças como a gastroenterite, por exemplo.

Essa contaminação cruzada dos alimentos pode acontecer ao usar tábuas de corte de forma incorreta, facas sujas, ou até mesmo pelas mãos ou pano de prato, por exemplo. Alguns exemplos de como isso pode acontecer são:

  • A carne crua descoberta, dento da geladeira, e a salada pronta para o consumo ao lado. Mesmo que eles não se toquem a própria circulação do ar dentro da geladeira pode transferir os micro-organismos da carne para a salada;
  • Colocar a salada pronta para consumir no recipiente onde estava o ovo cru;
  • Não lavar as mãos após cortar a carne e pegar na cafeteira, para tomar café.

Para evitar esse tipo de contaminação é fundamental usar tábuas de corte e facas diferentes ao cozinhar. O ideal é ter uma tábua de corte de plástico somente para cortar a carne, o peixe e as aves. Essa tábua deve ser limpa logo após seu uso com água, detergente e parar que fique sempre bem limpa, pode deixar de molho em água sanitária ou com um pouquinho de cloro.

Além disso, para cortar legumes, verduras e frutas deve ter outra tábua de corte e facas separadas somente para este tipo de uso. A lavagem destes utensílios também deve ser feita logo após seu uso, seguindo os mesmos princípios das carnes.

Como evitar a Contaminação dos Alimentos em casa

Como evitar a contaminação da carne

Para evitar que a carne, peixe ou aves seja contaminados deve-se guarda-los sempre bem fechados no freezer ou congelador, devidamente identificados. É possível congelar com as embalagens vindas do mercado ou açougue, mas também é possível usar antigos potes de sorvete ou outros recipientes que facilitam a organização e identificação de cada tipo de carne.

No entanto, não se deve congelar carnes, aves ou peixe que apresentam mau cheiro, cor ou aparência de estragados porque a congelação e o cozimento não serão suficiente para eliminar os germes que podem causar intoxicação alimentar.

Veja como manter a geladeira sempre limpa e organizada para evitar a contaminação dos alimentos, fazendo-os durar mais tempo.

A tabela a segui indica quais são os micro-organismos, onde eles podem estar e que doenças podem causar:

 ExemplosAlimentos que podem estar contaminadosDoenças que podem causar
Bactérias

- Salmonella

- Campylobacter jejuni

- Ovos, aves, leite cru, iogurte, queijo e manteiga

- Leite cru, queijo, sorvete, salada

- Salmonelose

- Campilobacteriose

Vírus

- Rotavírus 

- Vírus da hepatite A

- Salada, fruta, patês

- Peixe, marisco, vegetais, água, frutas, leite

- Diarreia

- Hepatite A

Parasitas

- Toxoplasma

- Giardia

- Carne de porco, borrego

- Água, salada crua

- Toxoplasmose

- Giardose

Como descongelar carnes de forma segura

Como evitar a Contaminação dos Alimentos em casa

Para descongelar a carne, aves e peixe deve deixar seu recipiente descongelando dentro da geladeira, na prateleira do meio ou em cima da gaveta inferior. Enrolar um pano de prato em volta da embalagem ou colocar um prato por baixo pode ser útil para evitar que a água suje a geladeira, o que também pode acabar causando contaminação de outros alimentos.

Isso pode acontecer porque mesmo que a carne não esteja estragada, é possível que ela contenha micro-organismos nocivos à saúde, mas que são eliminado quando a carne é cozida ou assada. mas como certos legumes, frutas e vegetais são consumidos crus, como é o caso do tomate e da alface, estes micro-organismos podem causar intoxicação alimentar, mesmo que aparentem estar limpos.

Ao descongelar uma quantidade de bifes, por exemplo, maior do que a realmente irá utilizar, a carne que sobrou pode ser congelada novamente desde que não tenha ficado em temperatura ambiente por mais de 30 minutos, mas tenha sido descongelada dentro da geladeira.

O iogurte pode ser deixado em cima da bancada da cozinha até que esteja pronto para o consumo, mas este só deve ser congelado em sua embalagem original e ainda fechada.

Cuidados gerais para evitar a contaminação 

Como evitar a Contaminação dos Alimentos em casa

Alguns cuidados importantes que deve ter para evitar a contaminação de alimentos em casa são: 

  • Lavar as frutas e verduras, com uma solução preparada com 1 copo de água misturado com 1 copo de vinagre. Veja como é o passo a passo aqui.
  • Guardar logo as sobras de comida na geladeira, não deixando passar o dia na bancada da cozinha, nem em cima do fogão. A melhor maneira é guardar as sobras num pote com a sua própria tampa, não deixando o alimento exposto;
  • Descongelar os alimentos dentro da geladeira, na prateleira de baixo ou no micro-ondas;
  • Lavar sempre as mãos antes de preparar ou manipular os alimentos;
  • Trocar diariamente o pano de prato para evitar que fique contaminado;
  • Prender o cabelo sempre que cozinhar ou manipular alimentos;
  • Não usar acessórios como relógio, pulseira ou anéis quando estiver na cozinha;
  • Cozinhar bem os alimentos principalmente as carnes e peixes, certificando-se que não ficam rosados pelo meio;
  • Não guardar latas de metal na geladeira, deve passar-se os alimentos para recipientes de vidro ou plástico;

Além de ter esses cuidados também é importante deitar fora as partes dos alimentos que estejam estragados ou com mofo, para evitar que esse alimento contamine outros. Saiba reconhecer se o queijo está estragado ou ainda pode ser consumido.

Como embalar os alimentos para durar mais tempo 

A melhor forma de guardar os alimentos na geladeira para que durem mais tempo, sem correr o risco de serem contaminados por outros, é colocar tudo sempre limpo e organizado dentro da geladeira.

Existem bacias, embalagens e caixas organizadoras que podem ser usadas dentro da geladeira que podem ajudar a manter os alimentos por mais tempo, além de evitar sua contaminação. Mas além disso, cada embalagem deve estar sempre bem fechada e nada deve ficar exposto.

Ter sempre na cozinha o plástico film é uma boa forma de embalar os alimentos e cobrir a cerâmica que não tem tampa, por exemplo. Ele adere bem, não entra em contato com o alimento e ajuda na sua conservação.

As sobras dos alimentos enlatados devem ser guardadas num outro recipiente hermeticamente fechado e consumidas em até 3 dias.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...