Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

3 passos para melhorar a Saúde do Coração

Para diminuir o risco de doenças cardíacas recomenda-se seguir algumas dicas simples como parar de fumar, alimentar-se corretamente e controlar doenças como hipertensão e diabetes porque assim há menos gordura acumulada no corpo e no interior das artérias e um menor risco de doença cardíaca.

Veja o que mais você pode começar a fazer desde agora para melhorar seu funcionamento cardíaco e evitar situações como colesterol alto, excesso de peso, aterosclerose e infarto:

1. Não ficar muito tempo sentado

3 passos para melhorar a Saúde do Coração

Mesmo quem precisa trabalhar num escritório e tenha que passar 8 horas por dia sentado pode ter uma vida ativa, optando por não usar o elevador e caminhando sempre que possível na hora do almoço ou nos pequenos intervalos.

Para ajudar existem dispositivos eletrônicos que te estimulam a levantar, sempre que fica mais de 2 horas sentado. Uma boa dica é usar um relógio que conta os passos que pode ser usado com aplicativos para smartphones. Mas você também pode colocar um alarme por perto para se lembrar de que precisa levantar-se mais vezes durante o dia.

A organização mundial da saúde recomenda que cada pessoa dê 8 mil passos por dia para se manter saudável e usando esse tipo de aparelho, é possível ter uma ideia de quantos passos você dá ao longo do dia, melhorando seu cuidado com a saúde.

Veja qual o seu risco de desenvolver doenças cardíacas inserindo seus dados a seguir:

Erro
cm
Erro
cm
Erro
Imagem que indica que o site está carregando

2. Fazer exercícios regularmente

Para proteger a saúde do coração também é importante praticar algum tipo de atividade física regularmente mesmo que consiga andar os 8 mil passos recomendados pela OMS. O indicado é conseguir aumentar a frequência cardíaca durante o exercício, mas você pode escolher a modalidade que mais gostar porque o que mais importa é a frequência e o empenho em praticar a atividade.

A prática deve ser de, pelo menos, 2 vezes por semana, mas o ideal é de 3 a 4 vezes por semana, desde que haja cerca de 3 horas de treino semanais.

3. Comer alimentos que protegem o coração

Para diminuir o risco de doenças cardíacas recomenda-se aumentar o consumo de:

  • Frutas secas como amêndoas, nozes, avelãs, pistaches e castanhas. Estes são ricos em gordura monoinsaturada que controlam o colesterol, diminuindo as chances de desenvolver uma doença cardíaca em até 40% se forem consumidos cerca de 5 vezes por semana.
  • Chocolate amargo devido a presença de flavonoides, impedem a formação de placas de ateroma no interior das artérias. Coma 1 quadradinho de chocolate meio amargo por dia.
  • Alho e cebola também atuam da mesma maneira, sendo este o tempero ideal para as refeições diárias.
  • Frutas ricas em vitamina C como laranja, acerola e limão, devem ser consumidos duas vezes ao dia, pois são ricos em antioxidantes.
  • Feijão, banana e couve são ricos em vitaminas do complexo B e diminuem as chances da implementação da aterosclerose nas artérias coronárias.

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde as pessoas que adotam este estilo de vida podem diminuir o risco de sofrer de doenças cardíacas em até 80%.

Confira algumas receitas naturais para melhorar a saúde do coração:

Mais sobre este assunto:


Carregando
...