Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Bazedoxifeno

O Bazedoxifeno é um remédio utilizado para aliviar os sintomas após a menopausa, especialmente o calor que se sente na região do rosto, pescoço e peito. Este medicamento funciona por ajudar a repor os níveis adequados de estrogênios no organismo, quando o tratamento com progesterona não é adequado.

Além disso, o Bazedoxifeno também pode ser usado para tratar a osteoporose comum da pós-menopausa, reduzindo o risco de fraturas, especialmente na coluna. Está ainda sendo estudado como uma forma de evitar o crescimento de tumores na mama, podendo ajudar no tratamento do câncer de mama.

Bazedoxifeno

Preço

O Bazedoxifeno ainda não foi aprovado pela Anvisa no Brasil, podendo apenas ser encontrado na Europa ou Estados Unidos com os nomes comerciais de Osakidetza, Duavee, Conbriza ou Duavive, por exemplo.

Como tomar

O Bazedoxifeno deve ser utilizado apenas após a menopausa em mulheres com útero, com pelo menos 12 meses desde a última menstruação. A dose pode variar em cada caso e, por isso, deve ser indicada pelo médico. No entanto, a dose recomendada na maioria dos casos é:

  • 1 comprimido por dia com 20 mg de Bazedoxifeno.

Em caso de esquecimento, deve-se tomar a dose esquecida assim que lembrar, ou tomar a seguinte caso se esteja muito próximo do horário seguinte, devendo-se evitar tomar dois comprimidos em menos de 6 horas.

Possíveis efeitos colaterais

Alguns dos efeitos secundários mais frequentes do uso deste medicamento incluem candidíase frequente, dor de barriga, prisão de ventre, diarreis, náuseas, espasmos musculares e aumento dos triglicerídeos no exame de sangue.

Quem não deve tomar

O Bazedoxifeno está contraindicado para mulheres com:

  • Hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula;
  • Presença, suspeita ou histórico de câncer da mama, endométrio ou outro estrogênio-dependente;
  • Sangramento genital não diagnosticado;
  • Hiperplasia do útero não tratada;
  • Histórico de trombose;
  • Doenças do sangue;
  • Doença no fígado;
  • Porfíria.

Além disso, não deve ser usado por mulheres que ainda não estão na menopausa, especialmente se existir risco de gravidez.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...