Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Asmapen

O Asmapen é um medicamento com aminofilina na composição, indicado para o alívio sintomático da asma brônquica aguda e para o tratamento do broncoespasmo reversível associado com bronquite crônica e enfisema.

Este medicamento também pode ser comprado em genérico e está disponível em comprimidos e injeção e pode ser comprado por um preço de cerca de 3 reais, mediante apresentação de receita médica.

Asmapen

Para que serve

O Asmapen é indicado para o tratamento de doenças caracterizadas por broncoespasmo, que se caracteriza por uma diminuição do calibre dos brônquios, fazendo com que haja uma menor quantidade de ar nos pulmões, o que pode ocorrer em doenças como asma brônquica, bronquite crônica e enfisema. Saiba identificar o enfisema pulmonar.

Como usar

Este medicamento deve ser usado conforme indicado pelo médico, de acordo com a severidade da doença, a idade, a resposta do paciente ou conforme a existência de outras doenças:

Comprimidos: Em adultos, a dose recomendada é de 1 a 2 comprimidos de 100 mg ou 1 comprimido de 200 mg, 2 a 3 vezes ao dia, após as refeições.

Injetável: O Asmapen injetável deve ser administrado por um profissional da saúde, no hospital, por via intravenosa.

Quem não deve usar

O Asmapen não deve ser usado em pessoas com hipersensibilidade aos componentes da fórmula, com gastrite ativa, úlcera de estômago ativa ou que tenham história de úlcera no estômago.

Além disso, este medicamento não deve ser usado por grávidas, lactantes e crianças com menos de 6 meses de idade sem orientação do médico.

Possíveis efeitos colaterais

Alguns dos efeitos colaterais mais comuns que podem ocorrer com o uso de Asmapen são náuseas, vômitos, diarreia, dores de cabeça e insônia.

Além disso, também podem ocorrer reações de hipersensibilidade, aumento dos batimentos cardíacos, palpitações, diminuição da pressão arterial, arritmia, vasoconstrição periférica, dor de cabeça, insônia, confusão, irritabilidade, vertigem, hiperexcitabilidade reflexa, tremor, ansiedade, convulsão, distúrbios visuais, cólica abdominal, anorexia, refluxo gastroesofágico, sangramento gastrintestinal, albuminúria, frequência urinária aumentada, aumento da frequência respiratória e febre.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem