Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Entenda o que é a Andropausa Precoce

A andropausa precoce ou prematura é causada pela diminuição dos níveis do hormônio testosterona em homens com menos de 50 anos de idade, o que pode trazer problemas de infertilidade ou problemas nos ossos como osteopenia e osteoporose. A diminuição gradual da testosterona faz parte do envelhecimento mas quando ocorre antes desta idade é chamada andropausa precoce e pode ser tratada com medicamentos.

Geralmente, entre as principais causas da andropausa precoce estão a idade e a história de andropausa precoce na família, sendo os sintomas que surgem semelhantes aos da andropausa normal como diminuição da líbido, dificuldade na ereção, cansaço excessivo e alterações de humor. O tratamento pode ser feito através da terapia de reposição hormonal com testosterona, para ajudar a reduzir sintomas e para evitar a perda da massa óssea.

Causas da Andropausa Precoce

A andropausa precoce, também conhecida como menopausa masculina, pode ser causa por fatores psicológicos como estresse, depressão e ansiedade ou por problemas endócrinos que afetem a produção de testosterona.

Além disso, a retirada dos testículos através de cirurgia em caso de tumor por exemplo, também provoca a andropausa precoce no homem, pois ao serem removidos os testículos é retirado o órgão que produz este hormônio, havendo assim a necessidade de realizar terapia hormonal.

Sintomas e diagnóstico da Andropausa Precoce

A andropausa precoce causa sintomas emocionais e físicos, semelhantes aos da andropausa normal, como:

  • Diminuição da líbido;
  • Dificuldade na ereção;
  • Infertilidade devido à diminuição da produção de espermatozoides;
  • Alterações de humor;
  • Cansaço e perda de energia;
  • Perda da força e da massa muscular;
  • Diminuição do crescimento do pelo no corpo e na face.
Principais sintomas da andropausa precocePrincipais sintomas da andropausa precoce

Além disso, a andropausa precoce pode causar outros problemas no homem, como risco aumentado para desenvolver osteoporose e maior tendência para ter problemas de depressão ou de ansiedade.

O diagnóstico da andropausa precoce deve ser feito pelo endocrinologista, sendo este feito através da análise dos sintomas sentido pelo homem e através da realização de um exame de sangue que irá avaliar os níveis de testosterona no organismo.

Tratamento da Andropausa Precoce

O tratamento da andropausa precoce tem por objetivo aliviar os sintomas provocados, não existindo cura ou um tratamento definitivo. Um dos tratamentos que pode ser feito é a terapia de reposição hormonal masculina, na qual são usados medicamentos como Androxon Testocaps que contêm o hormônio testosterona na forma sintética.

Além disso, quando o homem apresenta dificuldades na ereção, o médico pode também prescrever a utilização de remédios para a impotência sexual como Viagra ou Cialis, por exemplo.

Como aumentar naturalmente a testosterona no organismo

Aumentar naturalmente a testosterona no organismo pode ser uma forma natural de combater os sintomas da andropausa precoce, sendo recomendadas as seguinte dicas:

  1. Praticar regularmente exercício físico com pesos na academia;
  2. Manter um peso saudável e controlado;
  3. Realizar uma alimentação saudável e rica em alimentos com zinco, vitamina A e D, como ostras, feijão, salmão, ovo, manga e espinafres por exemplo.
  4. Dormir bem e evitar o estresse desnecessário;
  5. Tomar suplementos de testosterona como ProTestosterone ou Provacyl, que aumentam os níveis de testosterona.

Estas dicas não tratam a andropausa precoce, mas quando aliadas ao uso de medicamentos indicados pelo médico podem ajudar a melhorar a qualidade de vida.

Mais sobre este assunto:
Carregando
...