Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Alprostadil para disfunção erétil

Alprostadil é um medicamento para disfunção erétil através de uma aplicação de uma injeção diretamente na base do pênis, que numa fase inicial deve ser feita pelo médico ou enfermeiro mas que após algum treino o paciente pode fazê-lo sozinho em casa.

Este medicamento pode ser vendido com o nome Caverjet ou Prostavasin, geralmente em forma de injeção, porém atualmente também existe em pomada que deve ser aplicada no pênis.

Alprostadil funciona como vasodilatador e, por isso, dilata o pênis, aumentando e prolongando a ereção e tratando a disfunção erétil. 

Preço do Alprostadil

Alprostadil custa em média 50 a 70 reais.

Indicações do Alprostadil

Alprostadil é usado para a disfunção erétil de origem neurológica, vascular, psicogênica ou mista e é aplicado na maioria dos casos através de injeção.

A frequência máxima de administração recomendada é de 3 vezes por semana, pelo menos com um intervalo de 24 horas entre cada dose e, geralmente a ereção inicia-se cerca de 5 a 20 minutos depois da injeção.

Efeitos Colaterais do Alprostadil

O medicamento pode provocar, após a aplicação da injeção, dor ligeira a moderada no pênis, pequenos hematomas ou equimose no local da injeção, ereção prolongada, que pode durar entre 4 a 6 horas, fibrose e rompimento dos vasos sanguíneos do pênis que pode provocar sangramento e, em alguns casos, pode levar a espasmos musculares.

Modo de uso do Alprostadil

Alprostadil só deve ser usado após indicação médica e a sua frequência deve ser orientada pelo médico responsável, porém, geralmente, a dose utilizada está entre 1,25 e 2,50 mcg com dose média de 20 mcg e dose máxima de 60 mcg.

O medicamento é administrado por uma injeção diretamente no pênis, nos corpos cavernosos deste, que se encontram na base do pênis e a injeção não deve ser dada próximo de veias, pois aumenta o risco de sangramento.

As primeiras injeções devem, ser administradas por um médico ou enfermeiro, porém após algum treino o paciente pode fazê-lo autonomamente em casa sem dificuldade.

O medicamento é em pó e precisa de ser preparado antes de ser aplicado e, é importante ir no médico, a cada 3 meses para avaliar a situação.

Como preparar a injeção

Antes de tomar a injeção, é preciso preparar a injeção, sendo que deve-se:

  1. Aspirar com uma seringa o liquido da embalagem, que contém 1ml de água para injetáveis;
  2. Misturar o liquido no frasco que contêm o pó;
  3. Encher uma seringa com o medicamento e aplicar no pênis com uma agulha 3/8 a meia polegada de calibre entre 27 e 30.

Para aplicar a injeção, o indivíduo deve sentar-se com as costas apoiadas e aplicar a injeção no pênis, evitando locais machucados ou com hematomas. 

Como armazenar Alprostadil

Para armazenar o medicamento, este deve ser conservado na geladeira, entre 2 e 8°C e protegido da luz e, não deve nunca ser congelado.

Além disso, depois da preparação da solução, esta pode ser armazenada a temperatura ambiente, sempre inferior a 25°C por até 24 horas.

Contraindicações do Alprostadil

Alprostadil está contraindicado em doentes com hipersensibilidade a alprostadil ou qualquer outro componente, doentes com priapismo, como é o caso de pacientes com anemia falciforme, mieloma ou leucemia.

Além disso, os pacientes com deformações no pênis, tais como curvatura, fibrose ou doença de Peyronie, doentes com prótese de pênis ou todos os pacientes que têm contraindicação de exercer atividade sexual.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...