Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Alimento feito de ar poderá substituir a soja e a carne

Janeiro 2020

Cientistas da Solar Foods, uma empresa ligada ao Centro de Pesquisa Técnica VTT e à Universidade de Tecnologia Lappeeranta, ambos da Finlândia, estão produzindo um novo alimento feito a partir do ar e de substâncias da água e que é fabricado em um processo que utiliza a eletricidade. Este alimento foi nomeado pelos cientistas como Solein e possui a aparência de farinha de trigo, no entanto, não tem sabor de nada.

O chefe da Solar Foods, Pasi Vainikka, acredita que a maneira como os alimentos convencionais, como a soja, são produzidos hoje em dia gera muita poluição no ambiente, pois para se obter esses alimentos é necessário cultivar terras aonde havia floresta nativa.

O pesquisador diz também que a criação de animais para produção de carne e leite de consumo humano é um dos fatores responsáveis pelo efeito estufa, e por isso investiu na elaboração e quer expandir a fabricação do Salein, pois é um alimento rico em proteína, capaz de alimentar muitas pessoas, mesmo em pequenas quantidades, além de ser uma opção viável para veganos.

Alimento feito de ar poderá substituir a soja e a carne

Como o alimento de ar é produzido

A empresa Solar Foods está investindo cada vez mais na produção de um alimento rico em proteínas, chamado Solein, com aspecto semelhante à farinha de trigo, porém com sabor imperceptível para que possa ser adicionado em outros alimentos como macarrão, pão e vegetais. Este alimento novo é produzido a partir do crescimento de micróbios em um tanque com líquidos, no processo parecido à fermentação de cerveja.

Porém, diferente da fabricação de cerveja em que os micróbios se alimentam de açúcar, o micróbio da Solar Foods se desenvolve, principalmente, com auxílio de bolhas de ar de hidrogênio e dióxido de carbono, por isso o Solein ficou apelidado de alimento de ar. Estes gases são adicionados ao líquido com micróbio por meio da ação de um biorreator movido à energia elétrica e, depois disso, são adicionadas vitaminas e nutrientes, como potássio, sódio e fósforo.

O chefe da Solar Foods afirma que a produção de Solein é 100 vezes melhor ao meio ambiente do que a produção de carne e 10 vezes menos agressiva do que o cultivo de soja, por isso este pesquisador acredita que o novo alimento poderá substituir a carne e a soja assim que começar a ser comercializado.

O que falta para comercializar

A Solar Foods quer que o alimento de ar esteja disponível para compra já em 2021, mas antes disso é necessário garantir mais investimentos para aumentar a capacidade de produção da empresa e também é preciso ter a aprovação dos órgãos competentes do governo para consumo humano.

O professor Tomas Linder, da Universidade Sueca de Ciências Agrícolas, especialista em microbiologia, tem acompanhado os rumores quanto à venda de Solein nos próximos anos, porém afirma que é importante realizar novos estudos para entender melhor se esse novo alimento realmente diminui as emissões de carbono e ainda informa que para a quantidade de Solein necessária para alimentar muitas pessoas será necessário construir biorreatores enormes e isso aumentaria a emissão de cabono, em vez de diminuir.

Bibliografia >

  • CNN. This company says it's making food from 'thin air' ... plus a dash of water and clean energy. Disponível em: <https://edition.cnn.com/2020/01/20/europe/solar-foods-solein-scn-intl-c2e/index.html>. Acesso em 21 Jan 2020
  • VICE. This Startup Is Making Food Mostly Out of Air and Electricity. Disponível em: <https://www.vice.com/en_us/article/43zdag/this-startup-is-making-food-mostly-out-of-air-and-electricity>. Acesso em 21 Jan 2020
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem