Tratamento para refluxo

publicidade

O tratamento para refluxo gastroesofágico consiste em mudanças alimentares, no estilo de vida, uso de medicamentos antiácidos e, em casos mais graves, uma cirurgia.

Tratamento natural para refluxo

O tratamento natural para refluxo engloba a adoção de algumas medidas preventivas e cuidados gerais com a alimentação a fim de evitar as crises. Pode-se destacar as seguintes sugestões:

  • Evitar beber muitos líquidos durante as refeições;
  • Manter a posição vertical após todas as refeições;
  • Mastigar bastante os alimentos e degluti-los lentamente;
  • Usar roupas largas que não apertem na cintura;
  • Realizar refeições em pequenas quantidades, especialmente ao jantar;
  • Comer pelo menos 2 horas antes de dormir;
  • Ter um sono reparador e tranquilo, evitando o cansaço e estresse;
  • Utilizar pelo menos 2 dois travesseiros na cama para dormir;
  • Evitar medicamentos, como a aspirina ou anti-inflamatórios, pois podem irritar o revestimento do estômago;
  • Praticar exercício físico;
  • Parar de fumar.

Tratamento caseiro para refluxo

O tratamento caseiro para refluxo é muito prático, fácil de fazer e tem efeitos muito benéficos. São eles:

  • Tomar um copo de água com duas colheres de vinagre de cidra/maçã antes das refeições;
  • Acrescentar cravo e/ou hortelã nas refeições;
  • Tomar iogurte e suco de coentro;
  • Beber chá de camomila 3-4 vezes por dia, entre duas refeições;
  • Mastigar um pedaço de gengibre fresco ou beber uma xícara do seu chá;
  • Uma hora após as refeições, tomar chá de canela;
  • Ingerir suco de Aloe Vera após as refeições.

Tratamento para refluxo em bebê

O tratamento para refluxo em bebê pode ser feito com a combinação de medicamento antiácido e um procinético, que tem o objetivo de segurar o alimento no estômago, como domperidona e bromoprida. Em geral, os mais receitados pelos pediatras são os remédios que fazem com que o estômago produza menos ácido, como a ranitidina e omeprazol.

Alguns cuidados que podem ser tomados para evitar o refluxo são:

  • Evitar dar muito leite ao bebê, esperando sempre o horário da próxima mamada;
  • Verificar a possibilidade de alergia ao leite de vaca;
  • Adotar medidas simples de postura, como elevação do berço do bebê e mantê-lo na posição vertical 30 minutos após cada mamada;
  • Evitar o uso do bebê conforto em casa;
  • Evitar usar fraldas apertadas e elásticos que pressionem o estômago;
  • Evitar exposição à fumaça de cigarro;
  • Dar preferência ao leite materno e de livre demanda, pois é de mais fácil digestão que o artificial;
  • Evitar alimentar o bebê duas horas antes de dormir.

Antes de iniciar qualquer tratamento, é importante observar alguns aspectos que podem evitar medicações e exames desnecessários, pois o refluxo é normal em bebês até seis meses e, às vezes, até um ano. Deve-se iniciar o tratamento apenas se o bebê não estiver ganhando peso adequadamente ou se forem observados sinais de desconforto após mamadas.

Alimentação para refluxo

A alimentação para refluxo deve ser baseada em uma dieta saudável, contendo frutas, como maçãs, bananas e mamão, água de coco, fibras, legumes, como cenoura, pepino, abóbora e repolho, grãos e proteínas. Deve-se evitar o consumo de café, álcool, comidas picantes, chocolate, menta, alimentos gordurosos, refrigerantes, molho de tomate, fritos, frutas cítricas, como limão, laranja e abacaxi, alimentos processados.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade