Tratamentos para Psoríase no couro cabeludo

Para tratar a psoríase no couro cabeludo o dermatologista pode recomendar o uso de cremes, pomadas ou comprimidos para diminuir a coceira e a aspereza da pele, além de shampoos que são especialmente indicados para este tipo de tratamento.

Assim, o tratamento da psoríase no couro cabeludo pode ser feito com betametasona com ácido salicílico em loção, ou calcipotriole dipropionato de betametasona em gel. Estes produtos devem ser aplicados nas regiões afetadas antes de deitar e devem atuar durante toda a noite, sendo retirados apenas de manhã. Durante o banho deve-se aplicar o shampoo indicado pelo médico e ir esfregando cuidadosamente, e só depois lavar a cabeça com água para retirar completamente o produto.

Tratamentos para Psoríase no couro cabeludo

Shampoos para psoríase no couro cabeludo

Para retirar as crostas que ficam, aconselha-se lavar a cabeça diariamente com produtos como:

  • Shampoo com alcatrão ou ácido salicílico ou
  • Shampoo à base de propionato de clobetasol

Após lavar o cabelo deve-se começar a desembaraçar os cabelos com um pente de cerdas largas e depois de cerdas finas para ir retirando as casquinhas da psoríase, que aos poucos vão saindo.

Estes shampoos devem ser indicados pelo dermatologista e usados pelo tempo determinado por ele. Quando as crostas começarem a desaparecer deve-se voltar ao médico para verificar se é preciso complementar o tratamento com alguma outra loção, ou se já pode parar de usar os shampoos especiais. A psoríase também pode surgir nos pelos genitais, por isso veja como identificar e tratar a psoríase genital.

Tratamento caseiro para psoríase no couro cabeludo

Aplicar uma gaze embebida com vinagre de maçã diariamente pode ser útil para complementar o tratamento da psoríase no couro cabeludo. Tomar o chá de salsaparrilha e outros alimentos que purificam o fígado também pode auxiliar no controle da doença.

Além disso, o agrião é um excelente alimento para melhorar a aparência da pele, podendo ser consumido em pequenas quantidades diariamente, mas as gestantes devem evitar o seu consumo excessivo, consumindo apenas 1 vez por semana.

Com o agrião pode-se realizar diversas receitas que podem incluir sucos, vitaminas, saladas e ele é um ótimo complemento da carne vermelha. Veja como preparar 2 receitas diferentes em: Receita de salada de agrião para psoríase.

Como controlar a psoríase

Apesar de não ter uma cura definitiva a psoríase manifesta-se de tempos em tempos, sendo mais frequente em épocas de maior estresse. Por isso, para um melhor controle, deve-se evitar situações estressantes. Em caso de crises de ansiedade ou depressão o médico pode ainda receitar ansiolíticos, que nestes casos, podem auxiliar no controle da psoríase.

A psoríase no couro cabeludo é comumente relacionada ao sistema emocional e, por isso, para contorná-la, recomenda-se evitar o estresse e manter-se calmo. Investir em alimentos de cor laranja e evitar todos os alimentos processados e industrializados também são dicas importantes a serem seguidas, além de desintoxicar o organismo. Expor-se ao sol e tomar banho de mar também constitui um bom tratamento para psoríase, e propicia melhoras em pouco tempo.

Veja outros remédios caseiros que podem ajudar.

Mais sobre este assunto: